Lista: Melhores casais das séries

Top 10, quem não gosta? Eu adoro. O único problema é listar apenas dez, quando eu queria poder listar uns vinte. São muitas series: finalizadas, canceladas e as que ainda estão acontecendo. Estão amei ocupar meu tempo elegendo os meus 10 casais mais fofos dos últimos tempos nas series.

Antes de começar devo avisar que a lista pode conter spoiler (revelações do enredo), então se você ainda não viu os episódios ou se não quer saber, não leia. Mas se você é fangirl como eu que não se importa com isso, mergulhe de cabeça!

Vamos começar?

 
 
 
#10. Jeremy Sherwood e Amanda Holden (Army Wives)

A serie não é muito conhecida aqui no Brasil. É uma serie da lifetime que conta a vida de cinco cônjuges de soldados do exército norte americano, seu dia-a-dia e os sentimentos deles em relação a vida, o exército e o mundo.
A serie também conta um pouco da vida dos filhos dos soldados, que é onde se encaixam Jaremy (Richard Bryant) e Amanda (Kim Allen). Jeremy é filho do Major Frank Sherwood e foi criado para ingressar em West Point quando se formasse no colégio (uma academia militar), e Amanda é a filha do Coronel Michael Holden, responsável pelo Forte Marshall, o lugar onde moram.
O inicio da serie é turbulento para ambos os adolescentes, Jeremy sofre com a ausência do pai e desconta a frustração na mãe, enquanto Amanda - que estuda fora do posto em um colégio interno – é presa durante uma manifestação contra o exército. É ai que inicia a serie.
Os dois passam por muitos problemas juntos, e quando finalmente chega a vez de Jeremy se redimir, ele acaba se aproximando da Amanda – bem quando se alista no exército. Ela o ajuda a contar aos pais sua decisão e lhe da força e apoio em tudo que precisa. Jeremy parte em sua primeira turnê pouco tempo depois que eles finalmente se tornam um casal... Mas o fim de Amanda é mais trágico. Ela acaba sendo pega em uma explosão no Hump Bar, um bar local, junto com sua mãe, Claudia Joy.
O romance dos dois nunca teve realmente um começo, meio e fim. Mas qualquer um que assista a primeira temporada vai adorar eles. É um caminho tortuoso e você percebe seriamente como a partida do pai de Jeremy influencia a vida dele, e como a visão negativa do mundo a respeito dos soldados influencia as atitudes de Amanda. E o mais bonito é ver que, acima de tudo, um entende o outro, apóia o outro. É meio difícil falar da serie sem ficar toda emocional, ainda mais sobre Amanda e Jeremy. Mas em fim. Eles merecem estar por aqui.

#9. Jimmy Dormady e Pearl (Boardwalk Empire)

Boardwalk Empire chegou arrasando em 2010 com Michael Pitt no papel de Jimmy Domardy, ex-motorista do tesoureiro da cidade, Enoch Thompson (Steve Buscemi, maravilhoso no papel) e que agora é um gangster em Atlantic City. No começo da serie Jimmy conhece Al Capote (Stephen Graham), braço direito de John Torrio (ator convidado Greg Antonacci), chefe da máfia italiana em Chicago e após alguns desentendimentos com Nuck e a policia federal, foge para Chicago onde se junta ao bando de Torrio. Hospedado em um de seus prostibulos, logo ele faz amizade com Pearl (atriz convidada Emily Meade), uma garota sonhadora e ao mesmo tempo pé no chão. O romance durou pouco - para chegarem a Jimmy, os rivais de Torrio atacam Pearl, desfigurando seu rosto –, mas tinha tudo para ir para frente. Não era como se eles se amassem ou algo do tipo, mas Pearl tinha um "q" que poderia ter sido bem mais aproveitado na serie. Ela e o Jimmy juntos funcionavam bem melhor do que ele e a Angela. A maneira de Pearl falar e as atitudes dela sempre combinavam com o Jimmy (ela era uma espécie de Cassie, em Skins UK, meio desligada mas sempre falando coisas certas nas horas certas), foram o único casal que eu realmente gostei na serie. Nono lugar para o romance de início de século.



#8. Caleb e Hanna Marin (Pretty Little Liars)

A primeira vez que ouvi falar de Pretty Little Liars eu achei que era uma besteira só. Mas foi só assistir o primeiro episódio para saber que não. Quando Caleb (Tyler Blackburn) apareceu a primeira vez eu simplesmente me apaixonei pela aura de bad boy. Quem não é apaixonada por um bad boy em series, certo?
Ao longo das temporadas, ele provou mais de uma vez que amava a Hanna (Ashley Benson) e até mesmo no meio das ameaças constantes de A, Caleb ajudou muito as meninas a conseguirem desvendar alguns mistérios.. Mesmo que isso custasse sua relação com Hanna – mais de uma vez, certo?
Fato é que um completa o outro, eu amo a maneira super protetora dele com ela, e como ele sempre topa tudo sem insistir muito em saber do que se trata. Caleb está sempre por perto quando se precisa e até agora é o único que eu nunca desconfiei naquela serie, além das meninas.
Quem assiste sabe que é super difícil não desconfiar de deus e o mundo, e o Caleb ganha todo mundo com o jeitão de bad boy, a paciência, o carinho pela Hanna e a inteligência. E ela não fica muito atrás, cedendo a qualquer chantagem de A pra manter ele a salvo e sacrificando a própria alegria pra se assegurar de que nada aconteça com ele. Sem contar que eles são mais do que fofos juntos. Oitavo lugar pra eles!

#7. David Silver e Donna Martin (Barrados no Baile)

Levando o sétimo lugar, meu casal preferido da década de 90, Donna (Tori Spelling) e David (Brian Austin Green) da serie ícone Beverly Hills 90210. Os dois se conheceram no colégio e namoraram até a faculdade, mas a decisão de Donna de permanecer virgem até o casamento torna as coisas complicadas e ele acabam se separando. A serie durou 10 temporadas de no mínimo 20 episódios cada, e em todo esse tempo Donna e David namoraram e romperam diversas vezes, seja por que David a traiu ou pelos problemas com drogas que os dois tiveram, fato é que a serie termina com o casamento dos dois e a reunião de boa parte do elenco da serie. Os dois eram engraçados e melhores amigos, e pela relação de amor evidente que os personagens partilhavam é que eles estão aqui.


 
#6. Sid e Cassie (Skins UK)

Skins é, provavelmente, a serie mais polêmica da década passada. Sid e Cassie (Mike Bailey e Hanna Murray, respectivamente) foram personagens da primeira geração, participando das duas primeiras temporadas da serie. Cassie era uma garota que sofria de distúrbios alimentares e era considerada a estranha do colégio, até que Tony a envolve em seu plano para fazer Sid perder a virgindade. O relacionamento dos dois é problemático, já que Sid é apaixonado por Michelle, a namorada de seu melhor amigo. A serie deixa o destino dos dois para a imaginação dos telespectadores, quando no último episódio da geração Cassie parte para Nova York e Sid vai atrás dela. Os dois não foram um casal muito certo, enquanto Cassie se esforçava para fazer Sid gostar dela, ele estava constantemente a serviço de Michelle - namorada de seu melhor amigo, por quem era apaixonado. Os dois são de longe os melhores personagens e o melhor casal de todas as gerações e remakes de Skins. Sexto lugar pro casal mais destrutivo das series.

#5. Ned and Chuck (Pushing Daises)

Pushing Daises contava a história de Ned (Lee Pace, escalado como Garrett na segunda parte da Saga Crepúsculo – Amanhecer), um confeiteiro com o poder de trazer as pessoas de volta a vida com um toque e matá-las definitivamente com outro. Por causa do seu estranho poder, Ned ajuda o detetive particular Emerson (Chi McBride) a solucionar seus casos perguntando aos mortos quem os matou, mas as coisas nem sempre são tão simples, o que leva Ned e Emerson a entrarem de cabeça nos crimes. Quando Ned é chamado para ajudar em mais um caso e descobre que a vitima é sua namorada de infância Chuck (Anna Friel), Ned não a toca pela segunda vez, fazendo com que outra pessoa morra no lugar dela e que ela continue viva ao lado dele com uma única condição: ele jamais poderá tocá-la novamente.
Ned e Chuck se completam, tem uma história que vem desde a infância e o fato dele quebrar todas as suas regras ao deixá-la viva, nos mostra o imenso coração e amor de Ned. Era divertido ver as mil e uma maneiras que eles encontravam de fazer o ramance dar certo – como os beijos com papel filme, as danças vestindo as roupas de proteção para lidar com as abelhas e segurando suas próprias mãos imaginando que estava juntos. Emerson era constantemente usado para que um pudesse demonstrar o amor ao outro, o que tornava tudo muito engraçado.
Era fácil amar os dois e mais fácil ainda ver como eles se amavam. O quinto lugar é mais do que merecido, por esse casal que me encantou desde o primeiro segundo na tela.



#4. Damon Salvatore e Elena Gilbert (The Vampire Diaries)

Quando eu li os livros da LJ Smith confesso que a história não me chamou muito a atenção, a aura obscura que ela tentou criar no começo (eu li apenas os dois primeiros) não me convenceu, e a história do vampiro se apaixonando pela humana deu aquela sensação de clichê demais que eu acabei deixando de lado. Quando vi anunciarem a estréia da serie fiquei com um pé atrás (totalmente decepcionada com o primeiro filme de Twilight e sem conhecer True Blood ainda) mas decidi assistir. Bastou apenas os primeiros 20 minutos do primeiro episódio para me deixar completamente viciada na serie e com sede de quero mais, diferente dos livros. A cada episódio que passava eu me apaixonava cada vez mais pelo Damon, e com a chegada do final da primeira temporada e o evidente triângulo amoroso que começaria a surgir, eu me empolguei mais ainda. Damon e Elena ainda não chegaram a se tornar um casal na serie, mas juntos eles fazem a melhor dupla dela; e ao constatar que ela conta com o roteiristas Kevin Williamson (criador da serie Downson's Creek) e como ele manejou um triângulo amoroso perfeitamente em DC entre Dowson-Joey-Pacey, aposto não vai levar muito tempo para que Damon e Elena tenham sua chance. A cena em que ele admite pra ela que a ama e depois apaga sua memória, na segunda temporada, me fez chorar como nunca. E quando eles finalmente se beijaram na terceira temporada (porque antes disso não valeu de verdade) só fez as minhas esperanças irem lá em cima.
Se agora eles já ficaram com o 4 lugar, imaginem quando de fato eles foram um casal? Go, Damon!



#3. Denny Duquette e Izzie Stevens (Grey’s Anatomy)

Em 2008 eu me apaixonei de vez pelas series médicas e comecei a engolir os episódios de Grey's Anatomy. Eu corria para casa só pra poder ver os episódios de reprise das temporadas passadas e acompanhar a nova. Eis que eu me deparo com o casal que mais me marcou nela; a segunda temporada chegou trazendo Denny Duquette (Jeffrey Dean Morgan), um paciente com problemas cardíacos que rapidamente se apaixona por sua médica, a dra. Izzie Stevens (Katherine Heigl). Em pouco tempo os dois vivem um romance doce e intenso, com Izzie cortando os fios que mantêm o coração de Denny batendo para que ele possa ganhar um coração novo. Denny chega a pedir Izzie em casamento, mas ele morre devido a complicações do transplante. O último episódio da terceira temporada - Loosing my religion - é um referencial de drama para mim, a cena marcante de Izzie saindo do elevador vestindo um vestido de formatura (que se repete na quinta temporada, quando ela e George estão entre a vida e a morte) para chegar ao quarto de Denny e descobrir que ele está morto é uma das mais fortes, assim como o dialogo dela com os amigos enquanto ainda não levaram o Denny para o necrotério. Me faz chorar cada vez que eu assisto. Perfeito! Terceiro lugar para eles!

"An hour ago he was proposing. And now he is going to the morgue. Isn't that ridiculous? Isn't that the most ridiculous piece of crap you've ever heard?"
(Há uma hora ele estava me pedindo em casamento. E agora ele está indo para o necrotério. Isso não é ridículo? Não é a coisa mais ridícula que vocês já ouviram?)



#2. Summer Roberts e Seth Cohen (The O.C)

A serie durou pouco, mas marcou muito. Contando a história de um garoto problema de Chino que é adotado pela rica família de Orange County, os Cohen (acho que todo mundo já quis ser adotado pelo Sandy e pela Kirsten) The OC foi a típica serie adolescente, especialmente o romance de Seth (Adam Brody) e Summer (Rachel Bilson). Seth era o geek apaixonado por quadrinhos e pela Summer, a garota mais bonita da escola. Em apenas 4 temporadas eles se tornaram o casal fofura, fazendo muita menina desejar um Cohen pra si. Summer desisti de ir para a Universidade que queria só para se juntar a Seth em Brown, mas acaba que ela é a única dos dois a passar. Em certo momento da serie ele transforma Summer em uma super heroína de quadrinhos, e quem não se lembra da cena na segunda temporada em que os dois imitam o beijo de cabeça para baixo do filme Homem-Aranha? Com direito a mascara do personagem e tudo! No final da serie eles se casam e ele espera por ela, que acaba virando uma ativista pelos direitos dos animais. Eles não conseguiriam ser melhores. Medalha de prata para os pais da Panqueca!


#1. Logan Huntzbeger e Rory Gilmore (Gilmore Girls)

Ocupando o topo do nosso podium o casal pelo qual eu sou apaixonada até hoje. A serie acabou em 2008, mas com certeza é a que me marcou mais. Gilmore Girls falava do relacionamento de Lorelai (Lauren Grahan) e sua filha adolescente, Rory (Alexis Bledel). Entre autos e baixos as duas se tornaram referencia em relacionamento mãe/filha pra muita gente; sempre engraçadas, falando rápido, com referências icônicas e dramas comuns (quer dizer, nem tão comuns assim). A serie me pegou de jeito quando assisti a um episódio qualquer (o maravilhoso dia do casamento de Sookie) e desde aquele dia assisti até o último episódio. Rory passou por muitas transformações dentro da serie, teve alguns namorados e embora a maior parte dos fãs dela seja completamente apaixonados pelo Jesse (personagem do Milo Ventimiglia) eu sou totalmente fã do Logan. O personagem interpretado por Matt Czuchry entrou na serie na quarta temporada, quando Rory ingressa em Yele e acaba conhecendo ele, que é filho de um amigo de seu avô. Como toda relação em serie, Rory não gosta dele no começo. Logan estudo jornalismo, como Rory, e trabalha no jornal da faculdade junto dela; quando Rory decide escrever sobre a sociedade secreta no campus da qual ele faz parte é onde os dois se aproximam. Com uma relação conturbada (quando não são os pais dele achando que Rory não é boa o suficiente para ele, pois não é da mesma classe social, é a falta de responsabilidade ocasional dele) os dois ficam juntos até o final da serie, quando no último episódio ele a pede em casamento, mas ela acaba recusando pois vai trabalhar em uma turnê da campanha política. Meu casal preferido de todos os tempos, medalha de ouro para eles.

E você? Qual é o seu Top 10 melhores casais das series?
 
 

Share this:

,

COMENTÁRIOS

9 comentários:

  1. Stefan e elena
    Denny e Izzie
    amo os dois casais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Denny e Izzie eram duas coisas que me faziam querer morrer naquela serie! Perfeitos <3 Mas eu não sou muito fã de Stefan não. Na verdade, ultimamente até a Elena tem me irritado muito. Nos livros mesmo, pff.. Gosto de nada '-'
      Obrigada pelo comentário!

      Att,
      Bianca da Silva.

      Excluir
  2. prefiro a rory com o jess

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca consegui gostar inteiramente do Jess. Eu não sei, mas sempre achei que com ele a Rory não iria muito longe, sabe? E o Logan era um mundo novo, testava os limites dela e abriu outras opções. Acho que isso forçou ela, testou ela e as coisas nas quais ela acreditava. Gostava muito mesmo dos dois juntos!

      Obrigada pelo comentário!

      Att,
      Bianca da Silva.

      Excluir
  3. Respostas
    1. Hanna e Caleb são duas fofurinhas muito AWN e mordíveis, né? Sou apaixonada <3

      Obrigada pelo comentário, Felycia!

      Att,
      Bianca da Silva

      Excluir
  4. sério que Chuck e blair nem entraram na lista? RS né

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh eu gosto muito dos dois e gosto bastante do casal. Mas larguei mão da serie no inicio da terceira temporada então não me senti no direito de falar muito deles. Mas se houvesse um bônus, eles estariam ali!

      Obrigada pelo comentário!

      Att,
      Bianca da Silva

      Excluir
  5. Rachel e Ross
    Chuck e Blair
    Seth e Summer
    Lucas e Brooke
    Nathan e Haley
    Damon e Elena
    Caleb e Hanna
    na ordem

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!