Variedades: Livros que mudaram minha vida.


“Os livros não mudam o mundo, quem muda o mundo são as pessoas. Os livros só mudam as pessoas.”  – Mário Quintana.
É com essa singela e tão sábia citação que iniciamos a postagem de hoje, ainda na semana temática em homenagem ao Dia do Livro. Afinal, quais foram os livros que mudaram a sua vida? Eis aqui os meus:

·         Harry Potter e o Cálice de Fogo – J. K. Rowling
Pode parecer estranho citar o quarto livro de uma saga, e não o primeiro. Mas foi exatamente assim que começou minha relação com os livros do bruxinho, meu primeiro contato literário com o Harry se deu através do Cálice de Fogo. Eu só havia visto os dois primeiros filmes e então arrisquei na leitura, e, cá estou eu: uma apaixonada por livros!

·         A Menina Que Roubava Livros – Markus Zusak
O que falar deste livro, que qualquer um que tenha o lido, já não saiba? Cada personagem nos ensina, ao seu modo, uma lição. Choro como uma criancinha quando o leio, e as vezes, só por isso, faço questão de ficar relendo trechos específicos, só para ver como eles são capaz de me afetar. Uma ladra de livros, um garoto com cabelos da cor de limões, um judeu lutador, um pai e uma mãe: desafio você a não amá-los.

·         Agora e Sempre – Judith McNaught
A primeira vez que li este livro foi em uma fanfic de Harry Potter, a história era a mesma, apenas os nomes foram modificados para fazer com que o par principal fosse Harry e Hermione. Em um momento como este, onde um livro erótico figura como o mais vendido nas listas nacionais, é interessante lembrar que esse tipo de livro não é nenhuma novidade. E, melhor ainda, é imprescindível mostrar os diversos tipos de livros eróticos que existem. Sou fã assídua desse gênero de livros, e não me envergonho nem um pouco disso, como eu já bem disse em uma apresentação de trabalho na minha faculdade: alguns assistem filmes pornôs, alguns leem revistas como a Playboy, eu leio livros eróticos, me julguem.

·         Divã – Martha Medeiros
Eis aqui aquele que, talvez, venha a ser o livro que melhor me defina. É impressionante a forma como mergulhei no texto, como me visualizei naquela mulher, em suas angústias e anseios. Aprendi muito sobre mim e sobre as pessoas ao meu redor ao ler Divã, me senti feliz por ter a prova de encontrar pessoas semelhantes a mim, e, ao mesmo tempo, me senti apreensiva acerca de minhas descobertas. Divã me fez olhar para mim mesma sob outra perspectiva.

·         Guerra dos Tronos – George R. R. Martin
Tive de pensar e repensar a colocação deste livro na lista. Sim, A Song of Ice and Fire modificou minha vida, mas de um modo diferente do que os outros livros o fizeram. Enquanto os livros anteriormente citados mudaram minha vida ao me abrir novas portas, Guerra dos Tronos o fez ao me tornar uma pessoa mais crítica. E isso não foi apenas comigo! Pergunte por aí, e muitos lhe dirão como é difícil ler qualquer outro livro após ter terminado o primeiro livro desta saga tão extraordinária. Entrei em recesso de livros por dois meses, mas não me arrependo nem um pouco disso.
Bônus:

·         Lucíola – José de Alencar
Pode não ter sido o primeiro livro de literatura nacional que eu tenha lido, pode não ter sido o melhor, pode não ser o mais conhecido, mas foi este livro que me convidou a conhecer outras obras de nossa literatura. Recomendo calorosamente a leitura!

Share this:

, , , , ,

COMENTÁRIOS

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!