Up an Down #4


Hey folks, tudo bem com vocês? Hoje o Up and Down, também conhecido como resumão da semana, ficou por minha conta. O que é algo meio triste tendo em vista que minha semana não foi muito agitada, mas vamos lá!


Melhor da semana

Até ontem a noite eu não tinha absolutamente nada para colocar nessa categoria, até fiquei me perguntando quão estranho seria se, pela primeira vez, deixássemos uma das perguntas em branco. Mas então, em questão de um único tweet (na verdade foram dois), tudo isso mudou.


Se você é fã de algum artista, seja quem for, então você sabe que nada pode ser mais mágico do que o artista em questão dar algum sinal de que tem conhecimento da sua existência. As vezes é um simples "Hi Brazil", talvez apenas um retweet, mas em algumas ocasiões é a coisa mais incrível de todas: ele responde alguma pergunta que você fez. E, senhoras e senhores, foi exatamente isso que aconteceu ontem a noite!


Todd Lasance, aka @ToddJLasance, é um ator australiano que deu vida a Caesar na última temporada de Spartacus. Se você acompanha o blog já sabe que eu sou levemente fissurada nessa série, caso você queira uma pequena provinha disso corra no meu post Fangirl - Dan Feuerriegel e divirta-se, o que acarretou no meu amor incondicional pelos atores de Spartacus.


Pois bem, ontem a noite o Todd fez um pequeno chat com os fãs da série, e é óbvio que apesar do meu inglês pra lá de inexistente, eu e meu velho amigo Google Translator fomos nos divertir por lá. O que acontece é que, em uma jogada do destino meu amado Todd respondeu a nossa querida Denise Flaibam, aka @NizzFF, dizendo que esteve no Brasil ano passado. Como assim Todd, por que você não me contou antes? Assim fica difícil te sequestrar e por num potinho, hunf!


Não bastando toda a alegria que eu tive por isso, porque responder prazamiga é a mesma coisa que responder pra mim, ele ainda tentou me matar do coração e respondeu uma das minhas trocentas perguntas! 


E sabe o que é mais mágico sobre isso? Que de todas as perguntas que ele poderia ter respondido, aquela era a que eu mais queria. Porque nela nós falamos sobre o Agron o que respectivamente  é sobre o Dan Feuerriegel, se você não entendeu corre no link que eu coloquei antes sobre meu post fangirl, e sobre a homofobia. (Eis aqui uma leve explicação: Agron é um dos membros do quarteto fantástico do seriado, e também o mais leal general que o Spartacus tem, e ainda assim as pessoas insistem em lembrar dele apenas como o "personagem gay", o que me tira totalmente do sério).


E pra mostrar que felicidade de pobre nem sempre dura pouco, ainda recebi uma resposta bônus pra uma pergunta pra lá de sem noção. Deuses, como eu amo esse homem!



Melhor personagem da semana

Estou em um dilema sobre quem foi o melhor personagem da minha semana, valendo lembrar que é relacionado ao que eu assisti/li durante esta semana e não especificamente a algo que tenha saído essa semana, e então decidi que escolher é para os fracos e que eu vou simplesmente manter minhas duas opções. Sou dessas, me julguem. Ok, mentira. No final das contas houve uma vencedora.


Essa semana vou falar da Charlie, personagem que tem dado o ar da sua graça esporadicamente por Supernatural e alegrado os fãs da série. Toda vez que ela aparece é garantia de, no mínimo, boas risadas e diversas referências nerds. 


O primeiro momento em que conhecemos ela é ainda na sétima, e boring, temporada no episódio vinte The Girl The Dungeons and Dragons Tattoo. Charlie trabalhava na empresa do Dick Roman e ajuda os irmãos Winchester a conseguir algumas informações sobre ele. Caso você esteja se perguntando o que há de mais nisso eu vou te dizer quatro palavrinhas mágicas: referências a Harry Potter!


Depois disso, já na oitava e bem melhor temporada, nossa adorada ruiva volta a ação no episódio dezoito, Larp and the Real Girl, e nos dá alguns dos momentos mais engraçados da temporada. Queen Dean aprova.


E em sua mais recente aparição Charlie representou a todas nós faz da série, tendo umas das melhores tiradas de todo o tempo e fazendo exatamente aquilo que faríamos se pudéssemos brincar de ser caçadoras junto com eles. Acontece que ela andou lendo os livros que o Chuck escrevia, aqueles que falam tudo sobre a vida dos irmãos, e agora ela conhece eles melhor do que ninguém. 


Pra finalizar, preciso citar uma das coisas que mais me encanta nela: a relação que ela tem com o Dean. Pra deixar bem claro desde o início eu sempre preferi o Dean ao Sam, sou daquele tipo de fã que poderia defendê-lo em um júri e que teria boas chances de sair vitoriosa. Então ter um novo personagem, além do meu amado Castiel (a quem os produtores começaram a estragar), que possa interagir com o Dean e tirar ele um pouco de perto da relação conturbada que ele tem com o Sam sempre me faz feliz.


(In)felizmente a relação da Charlie com o Dean não é de um casal, tendo em vista que ambos jogam do mesmo lado da força (amo as cenas dela conquistando as mulheres), mas sim de uma amizade que muitas vezes chega a ser fraternal. Charlie é a irmãzinha que ele nunca teve, e isso é muito lindo de ver.



Pior da semana

Posso considerar como o pior da semana o fato de ter pego uma gripe maldita? Não? Droga! Vamos procurar outra coisa então pra preencher esse vazio, o difícil é achar o quê. A verdade é que me afastei quase que completamente da séries no último mês, o que me deixa em uma situação bem complicada aqui. Se eu for ser bem sincera com vocês o pior da semana pra mim é não ter, nunca mais, um novo episódio de Spartacus para assistir. Eu sei que a série acabou da melhor maneira que poderia acabar, mas isso não me impede de sentir falta. Saudades Sparty, saudades.


A dor é grande mas a vida precisa continuar, e por isso resolvi assistir as duas season finale que mais estavam sendo comentadas: Once Upon a Time e Supernatural. Chega a me doer um pouquinho ter de dizer isso, mas eu me decepcionei com ambas as séries. Não que elas estejam ruins, longe disso, é só que de alguma forma não foi algo que me surpreendeu. Eu assisti e pronto, fim.


OUAT veio com a mesma fórmula do final da primeira temporada, as mesmas reviravoltas, não sei explicar ao certo. Acho que os personagens fizeram muito o que eu esperava que eles fizessem, e isso me decepcionou demais. Sempre fui surpreendida quando se fala de OUAT, quando isso não acontece é normal que eu estranhe. Por isso, queridos oncers, não me matem. Obrigada.


Quanto a Supernatural, eu amo essa série maldita, acredito que até o fã mais extremista há de concordar comigo que tudo teria sido perfeito se tivesse acabado na quinta temporada, exatamente como Kripke havia idealizado. Mas eles preferiram o dinheiro à qualidade e o resultado todo mundo já conhece: uma enrolação sem tamanho. Argh.


É verdade que na sétima temporada tudo pareceu mudar e as coisas demonstravam estar voltando ao seu lugar, os fãs se encheram de esperanças e tudo indicava que seria lindo como um dia já foi. Mas a questão é que não importa quão bem tu remende algo, nunca será tão bom quanto era antes. E a prova disso foi este final de temporada, que embora tenha sido muito legal e com algumas reviravoltas (todos sobreviveram, vamos comemorar!) ainda assim caiu naquela velha fórmula de Supernatural. Talvez eu esteja sendo chata e exigente demais, mas a questão é que depois de Spartacus nada menos que algo épico vai me surpreender.



Pior personagem da semana

Como absolutamente nada, em quesito série/livros/filmes, me empolgou essa semana não tenho como realmente responder essa pergunta. Pensei inicialmente em falar do Metraton de Supernatural, mas nem ele conseguiu isso, porque não senti nada por ele e fim. É por esse e outros motivos que me parte o coração em vir aqui e ter de dizer que um dos piores personagens da semana foi um daqueles a quem eu mais amo. Castiel, my poor baby, me perdoe.


Não vou me aprofundar muito no assunto porque isso me magoa muito, amo o Cass desde o primeiro momento em que ele apareceu e é quase impossível vir aqui e dizer isso sobre ele. Só que eu não tenho muitas opções além de ser sincera, e o fato é que em algum momento ao longo dessas temporada The Angel of The Lord se perdeu e eu não acredito que ele possa voltar. 



O que esperar da próxima semana

Como essa última semana foi um vazio completo de sensações, eu espero poder voltar a me empolgar com séries e começar novas leituras. Mas o que eu mais espero mesmo é poder entrar em uma espiral de sofrimento por algo novo, eu preciso disso.

Share this:

, , , , , ,

COMENTÁRIOS

4 comentários:

  1. não conhecia o blog

    ADOREI o post, ficou leve e BEM divertido e resumiu bem a semana, mesmo vc dizendo que nao leu ou assistiu muitas coisas

    O Cass vem me decepcionando ha algumas temporadas

    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou!
      Depois do final de Spartacus, nunca mais fui a mesma. Nada me alegra mais como antes, ehehe. Mas é bom ver que ainda não perdi totalmente o modo de fazer isso!

      Att.,
      Eduarda Henker
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br

      Excluir
  2. Oi adorei seu blog , em relação a série spartacus assisti 1°,2°e 3°em 4 dias e fiquei completamente apaixonada pela série ,os atores são incríveis , principalmente com o ator Dan Feuerriegel com
    personagem AGRON ,pois além de lindo ,fez uma interpretação maravilhosa com o ator Pana Hema Taylo realmente uma aula de interpretação ,e ele acabou sendo o meu personagens e ator favorito < 3

    obs: eu adorei a saga de instrumentos mortais da (Cassandra Clare )´bjs Regyane Tavares!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Regyane, obrigada pelo seu comentário!

      Ai meu deus menina, é sério que tu quer falar do Dan COMIGO? Sou louca naquele (meu) homem, aiaiai! Não vou entrar em maiores detalhes, caso tu queira me ver surtando por ele é só clicar nesse link: http://blogsomaisum.blogspot.com.br/2013/05/fangirl-dan-feuerriegel.html

      Sobre os livros da Cassandra, infelizmente não sou muito fã. :(

      Att.,
      Eduarda Henker
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br

      Excluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!