[TAG] Dia dos Namorados


Aproveitando o clima de Dia dos Namorados, resolvemos trazer aqui uma TAG bem no clima amorzinho dessa data. Ela foi criada pelo blog Maravilhosas Descobertas e consiste em indicar 10 casais, um para cada uma dessas perguntas:


1. Alma Gêmea: O casal mais romântico que você já viu nos livros até hoje.
Denise: Depois de ter lido A Court of Wings and Ruin, vou citar Rhysand e Feyre porque o relacionamento deles é uma coisa tão poderosa, saudável e empoderadora que merecia ser venerado e usado de exemplo com todo mundo. É o tipo de casal que se apoia e se entende e se ama incondicionalmente.
Bianca: Vou de Will e Tessa, de As Peças Infernais, porque né... Como ser mais romântico do que um casal de apaixonados por livros que transformam suas viagens românticas em peregrinações para os locais citados em seus livros preferidos?
Eduarda: Eu ia citar Teo e Clarice, de Dias Perfeito, como uma piada. Mas para evitar conflitos, vou responder com Sherazade e Khalid, da duologia A Fúria e a Aurora. O romance começa com suas dificuldades, mas quando ambos se entregam é algo lindo de se ver. Os diálogos, declarações, e o que um é capaz de fazer pelo outro é de aquecer o coração.


2. Boomerang: O casal que sempre está brigando mas que no final, e todo mundo já sabe, vão acabar juntos.
Denise: Adrian e Sydney, da série Bloodlines. A Sydney é o espírito responsável e o Adrian é o caos, então a maior parte das interações entre eles envolve muita briga e desentendimento - mas eles se amam.
Bianca: Eu vou com o meu casal sofredor da vida, Scarlet e Rhett, de E o Vento Levou. Porque ela é a personalidade forte e orgulhosa e ele adora provocar ela por isso. As interações entre eles são ótimas e sempre me deixava com um sorrizinho de just kiss already.
Eduarda: Minha resposta não poderia ser diferente de Lizzie Darcy, mas não da obra de Janes Austen. Meu casal é do livro O Diário Secreto de Lizzie Bennet, um livro que foi uma surpresa maravilhosa e que eu pretendo obrigar todas as minhas a lerem.


3. Melhores Amigos: Eles se tornaram grandes amigos e então, de repente, essa amizade virou um sentimento mais forte.
Denise: Ronan e o Adam, de Os Garotos Corvos. Eles já eram amigos, mas havia esse afastamento por causa de opiniões e personalidades fortes; quando os dois se aproximam, é uma coisa explosiva e significativa e você fica rolando no chão porque UM OTP DESSES, BICHO!
Bianca: Eu vou com Leo e Fany, de Fazendo Meu Filme. Os dois são melhores amigos há muito tempo, mas é preciso um intercâmbio para que Fany perceba que não é só amizade aquele sentimento que aquece seu peito. São uns fofos!
Eduarda: Ana e Sam do livro Almanova, acabei de ler o livro e estou muito nos feels dos dois ainda. A forma como o Sam cuida e protege a Ana, como é a primeira pessoa a ser gentil com ela e, assim, se torna seu primeiro e melhor amigo. 


4. Superação: Apesar dos problemas, de alguma maneira eles sempre ficam juntos no final.
Denise: Akiva e Karou, de Feita de Fumaça e Osso. Especialmente considerando a história do ship e porque ele existe, o destino traça suas linhas para sempre manter os dois no mesmo caminho. E é lindo quando você entende porque isso acontece.
Bianca: Definição de Jamie e Claire, da saga Outlander. A Diana adora inventar mil e uma confusões de guerras e revoluções e prisões e perseguições e 200 anos de viagem no tempo entre eles. Mas os dois nunca esquecem um o outro e sempre dão um jeito de se encontrarem no final. O Tempo não significa nada para esse dois!
Eduarda: Katherine e Matthew, de Em Nossa Próxima Vida. Não importa o que acontece, eles sempre vão se encontrar e ficar juntos até o final. Um amor que durou vidas, um amor que nem o tempo, as guerras e a morte foi capaz de separar.


5. Trio Amoroso: "Ele ama ela, que, por ventura, ama outro cara."
Denise: Vou fugir do clichê básico de triângulo amoroso e citar a Annith e o Balthazaar, de Amor Letal. Não, não tem triângulo nesse livro, mas a Annith é uma devota de Mortain e ela é realmente dedicada ao deus da morte, de corpo e alma. Ela o ama como a um amigo e um amante e uma entidade salvadora - e, quando conhece o Balthazaar, talvez exista uma chance de se apaixonar por outro alguém.
Bianca: Phury, Bella e Zsadist, de A Irmandade da Adaga Negra. Quando eu li, eu não curti muito. Mas hoje, depois de já ter lido um milhão de livros da série, de já ter aguentado Amante Consagrado, eu consigo apreciar melhor o triângulo que se formou entre a Bella e os gêmeos. Na época sofri com a lentidão do livro 6, mas agora que isso já saiu do meu sistema eu posso apreciar a sofrência que foi esse triângulo.
Eduarda: Paul, Suze e Jess de A Mediadora. Nossa, eu amo muito essa série mas se tem algo que me tira do eixo é a forma como a Meg trata o Paul, tanto é que ainda não li o novo livro porque só pela premissa já to prevendo que ela transformou ele num escrotiano sem fim.


6. Fofo: O casal que te levou mais "own"...
Denise: Norte e a Marigold, criados pela Stephanie Perkins. Eles protagonizam seus contos em O Presente do Meu Grande Amor e na sequência Aconteceu Naquele Verão. São a definição de fofura suprema - e eu leria uma série de dez livros sobre esse casal.
Bianca: Para não copiar a resposta de ninguém, vou de Levi e Cath, de Fangirl. PODEM SER MAIS FOFOS, MEUS DEUS? Eles são um carinho só e amo fortemente.
Eduarda: Mônica e Enzo, meus nenéns supremos. Mônica e Enzo e Todos os Dias é um livro lindo, engraçado e que quase mata a gente de tanta fofura. É impossível ler a história e não se identificar com a Mônica ou morrer de amores pelo Enzo.


7. Geek: O casal mais nerd que você já leu.
Denise: Eleanor e Park, do livro de mesmo nome. Eles são apaixonados por filmes e quadrinhos e essa paixão pelo universo geek é o que os aproxima.
Bianca: casal nerd me pegou desprevinida. Tenho muitos casais excêntricos e peculiares, mas não consigo lembrar de nenhum particularmente envolvidos na cultura pop. Então vou de Simon e Izzy, de Os Instrumentos Mortais, porque ao menos um dele é super nerd.
Eduarda: Eleanor e Park, porque eles são tão fofos e nerds que eu nem sei lidar. Tô repetindo a resposta da Denise? Yup, mas amo eles demais e não podia colocar nenhum outro casal neste lugar que não meus bebês.


8. Água com Açúcar: O casal mais sem graça que você já leu.
Denise: Eu ia gritar e sair correndo: Maxon e America, da trilogia A Seleção, PORÉM... Vou de Melissa e Daniel, de O Garoto do Cachecol Vermelho. Porque a Melissa é o maior embuste que a literatura moderna já conheceu e, mesmo o Daniel sendo um amorzinho, o fato de ela ser insuportável tornou o ship bem nhé.
Bianca: Poxa, só um? Vou de Ian e Sofia, de Perdida (vocês pensaram que eu não ia citar a Rissi nesse tag, né?). Minha vontade era de gritar QUE CASALZINHO MAIS SEM GRAÇA, SEM VONTADE DE VIVER para eles durante o livro inteiro. Muito brega, muito sem sal, muito meh. Ninguém merece, né.
Eduarda: Luna e Dante, de No Mundo da Luna. Primeiro que eu nunca vi personagens tão infantis, brigando sem motivo algum e sem química. Sem falar na velha fórmula repetida de sempre. Nada de novo sobre o ship, e nada de bom também.


9. Peculiar: Seja pelo encantamento por algo, por uma postura de vida diferenciada, ou mesmo por quem se é, o casal funciona em uma perfeita combinação, alheia ao conceito da sociedade. Nada de padrões ou limitações, os dois compartilham - com muita intimidade - algo pessoal e 'estranho' de ser visto de fora.
Denise: O casal mais recente que li e se encaixa perfeitamente nisso é Dylan e Jamie, de Fera. O Dylan é um garoto fora dos padrões e a Jamie é trans, o que significa que eles são vistos como "estranho" por quem está de fora - o que é completamente errado e perturbador de se ler, mas infelizmente reflete muito da nossa sociedade.
Bianca: Vou de Jack e Libby, de Juntando os Pedaços. Os dois fogem dos padrões estéticos ditos "bonitos" e socialmente aceitáveis (a Libby é gorda, o Jack é negro). E além disso, os dois compartilham esse medo de serem engolidos pelo ensino médio, de virarem a "caça" e, por isso, reagem ao medo com posturas peculiares. São meu mais novo amorzinho.
Eduarda: Simon e Baz, de Carry On. A relação dos dois é uma mistura de amor e ódio que é capaz de enlouquecer qualquer um. É algo muito particular deles, a forma como estão sempre voltando um para o outro, mesmo sem querer, mesmo para o 'mal'. Um dos melhores ships que eu já li, e recomendo para todos!


10. Ciumento até o fim: O casal bastante ciumento da literatura.
Denise: Edward e Bella, de Crepúsculo. Porque só de lembrar a choradeira que era o Edward sempre que a Bella ia se encontrar com o Jacob já me dá vontade de pular de um penhasco.
Bianca: de novo, só um? Aqui eu escolhi Adam e Juliette, da trilogia Estilhaça-me, porque entre muitas coisas que ele é, o Adam também é "ciumento". Entre aspas porque pra mim, na verdade, ele é obcecado pela Juliette. Pela ideia de ser o herói dela (mesmo quando ela é perfeitamente capaz de salvar a si mesma) e incapaz de aceitar que ela tem escolhas na vida. Adoro como ele fica todo butthurt quando ela finalmente se transforma na sua própria pessoa e ele não tem mais poder sobre ela, e os ataques de "ciumes" do Warner.
Eduarda: Grey e Anastasia, de Cinquenta tons de cinza. Não queria colocar os dois aqui porque obsessão é diferente de ciúmes, mas acho que é sempre válido citá-los como exemplo negativo e tentar abrir os olhos das pessoas. Ciúmes não é bonitinho, ciúmes é posse, é obsessão. Amor não é isso, amor é algo diferente.

Share this:

, , , , , , , , , , ,

COMENTÁRIOS

7 comentários:

  1. Oi, meninas!
    Feysand é otp supremo!
    Nossa, sofri demais com Karou e Akiva. Minha nossa senhora.. eu até pensei que eles não iam terminar juntos.
    Levi e Cath é a coisa mais fofa do mundo *---*
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Três Anos de A Colecionadora de Histórias

    ResponderExcluir
  2. Oi, meninas. Amei de montão essa tag e até tô querendo fazê-la nessa semana especial de namorados. Eu me identifiquei mais com as respostas da Duda, mas não acho que A fúria e a aurora tenha um casal romântico, gosto deles mas acho tudo menos isso rsrs eu amo a Cath e o Levi e a Eleanor e Park, que por sinal fizeram meu coração chorar horrores.
    Gente, como assim vocês não gostaram dos casais da Carina? Eu particularmente amei esses dois!
    Beijo.
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Que tag mais fofa
    Eu sou meio confusa para indicar casais, porque eu sempre me apaixono pelos casais da literatura e ai crio uns ship meio doidos que só dão certo na minha mente.

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
  4. Olá meninas!
    Adrian e Sydney é um casal que estou doida pra conhecer, ainda n comecei a ler Bloodlines!
    Tbm colocaria Eleanor e Park na casal nerd, acho que é um dos poucos que conheço, hahaha
    Não tinha pensado muito nesse ciúme do Adam pela Juliette! rsrs
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá, Meninas.
    Nunca consigo responder essas tags de casais. Não consigo escolher de um livro só hehe. Mas amei as respostas de você e já anotei varias dicas de livros que eu ainda não li. Só não concordo com o Ian e a Sofia, Amo os dois hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Nunca tinha visto essa tag e adorei. Super apoiei algumas respostas :D

    http://www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  7. Olá, meninas! Tudo com vocês?
    Eu ameiiiii essa TAG! ♥
    Will e Tessa, meu casal favorito... Amo esses dois mais que chocolate! Kkk
    Alguns desses livros estão na minha lista e gostei de ler um pouquinho sobre os casais.
    O post ficou lindo, parabéns!
    Beijos,
    Keth.
    Blog: www.parbataibooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!