Resenha: O Sangue do Olimpo

Então, gente, resenhar esse livro... Como se resenha esse livro? Não só uma série fantástica chegou ao fim, como também anos e anos de amor dedicados a personagens tão maravilhosos. Porque não só Heróis do Olimpo acabou, como Percy, Annabeth, Nico, Piper, Jason, Leo, Reyna, Clarice, Thalia, Tyson, Quíron vieram dizer adeus... Entenderam meu ponto né? Dói, mas é uma dor boa. Igual o que eu senti quando acabei de ler Harry Potter ou Senhor dos Anéis; acabou, mas vai estar sempre aqui comigo.
Sinopse: No desfecho da série Os heróis do Olimpo, os tripulantes gregos e romanos do Argo II têm feito progresso em suas constantes missões, mas ainda não estão nem perto de vencer a sanguinária Mãe Terra, Gaia. Os gigantes estão de volta mais fortes do que nunca , e os semideuses precisam impedi-los antes da Festa de Spes, momento em que Gaia planeja despertar, derramando o sangue do Olimpo.Para piorar, visões frequentes da terrível batalha no Acampamento Meio-Sangue assombram os sete semideuses. A legião romana do Acampamento Júpiter, comandada por Octavian, está se aproximando das fronteiras do acampamento grego. Por mais que seja tentador usar a Atena Partenos como arma secreta contra os gigantes, eles sabem que a estátua é necessária em Long Island, onde talvez consiga impedir uma guerra entre os acampamentos.A Atena Partenos irá para o oeste, enquanto o Argo II segue para o leste. Os deuses, ainda sofrendo com a dupla personalidade, não podem ajudar. Como os jovens conseguirão vencer sozinhos um exército de gigantes? A viagem para Atenas é perigosa, mas não há outra opção. Eles já sacrificaram muito para chegar onde estão. E se Gaia despertar, será o fim.
Resenha O Sangue do Olimpo

E sim, essa resenha vai ter muitos gifs de reação, porque eu tô lutando bravamente para não gritar um WHAT IS LIFE NOW? e sair correndo daqui. Isso é o que um livro do tio Rick faz comigo.

Não vou citar os pontos de vista que narram a trama, mas tenho que dizer que ADOREI a escolha deles. Principalmente de uma das personagens. Na verdade, todos. Todos os pontos de vista foram fantasticamente bem aproveitados. E sim, tem gente reclamando porque ele não usou outros personagens, mas qual é, o tio Rick sempre toma as melhores decisões! Não tem porque reclamar do que ele fez nesse livro; foi o necessário, principalmente por causa da profecia e do seguimento ali no final.

Resumidamente, Nico, Reyna e o treinador Hedge estão transportando a Atena Partenos de volta ao Acampamento Meio-Sangue, para tentar impedir a guerra entre gregos e romanos, enquanto os sete semideuses da profecia seguem até Atenas para destruir Gaia antes que ela desperte - e claro que, em meio a isso, temos capítulos alucinantes seguindo os dois caminhos. Como sempre acontece nos livros do tio Rick, cada sequência de capítulos de um personagem começa bem, segue com humor e culmina e um cliffhanger de arrancar o fôlego. E gente, o humor desse livro! Eu gargalhei alto em tantas partes que compensou toda a dor que eu senti em outras; Rick é um dos poucos autores que sabem mesclar bem momentos tensos com piadinhas peculiares e comentários divertidos.

Resenha O Sangue do Olimpo

O desenvolvimento dos personagens, gente, foi maravilhoso! Cansei de ver gente reclamando do Jason e da Piper na série, e achei LINDO o quanto eles sambaram nesse livro. Os dois sempre foram meus favoritos depois do Leo (sóri Percabeth), e ganharam um baita destaque em O Sangue do Olimpo. Na real, todos os personagens tiveram o seu merecido destaque, porque é isso que o tio Rick faz: ele enriquece os personagens com o passar das páginas; não só com as emoções deles, mas com o crescimento e o fortalecimento de suas atitudes - a Piper é um lindo exemplo disso. Uma filha de Afrodite que, no primeiro livro, já mostrou seu valor, mas que vou ganhando poder com o passar dos livros, e que culmina numa das peças mais importantes na guerra contra a Gaia! E o Jason, aquele donzelo que adora desmaiar? Eu ri e me emocionei tanto com as cenas dele, com o apoio dele aos outros semideuses (em especial com o desenvolvimento da amizade dele com o Percy, que eu achei fantástico).
Pela primeira vez, ser Piper McLean, a filha de Afrodite, aquela que ninguém levava a sério, podia lhe dar alguma vantagem."
Agora ele não tinha dúvida: era filho de Júpiter, o deus do céu. Ele era o filho de seu pai. 
Leo Valdez, senhoras e senhores, meu bad boy supremo magricelo filho de Hefesto genial! GENIAL! Conforme o livro decorria, fui criando teorias a respeito da participação de cada semideus na guerra final, e confesso que sofri um baita mindblow quando eles chegaram aos finalmentes. Leo, eu precisava muito te dar um abraço e um beijo e uma aliança de casamento, porque COMO VOCÊ É PERFEITO! E outra coisa que eu adorei foi como ele continuou se importando e amando a Calipso e ansiando por cumprir a promessa feita a ela. Gente, esse menino não existe (e foi mágico também quando ele e o Percy conversaram sobre a Calipso, O TIO RICK NÃO PERDE UMA DEIXA PRA MELHORAR OS PERSONAGENS QUE JÁ SÃO PERFEITOS!).

Resenha O Sangue do Olimpo

Hazel e Frank tiveram um ápice de ai-meu-deus lá no final do livro. Vi um pessoal comentando que eles tiveram pouco destaque, mas achei isso bem WHAT THE FUCK quando o livro foi tão dedicado a ligação entre cada um dos sete semideuses com os outros.

Resenha O Sangue do Olimpo

Eu PRECISO surtar aqui pela Reyna e pelo Nico, porque cada vez que a trama voltava para seguir a viagem deles eu sofria um ataque cardíaco. Nunca fui muito ligada com a Reyna, até porque, até o último livro, ela não teve lá tanto destaque assim - e confesso que eu achava ela meio bitch como romana mandona e tal. MAS GENTE, EU ME ARREPENDO TANTO DE TUDO QUE FALEI CONTRA A REYNA! Porque ela foi tão rainha e carinhosa e pretora maravilhosa nesse livro! E o elo que se criou entre ela e o Nico, eu não sei explicar o quanto foi emocionante. De meros conhecidos a amigos e depois a um big sister e little bro; TIO RICK, QUE MÁGICA VOCÊ FAZ PRA CRIAR PERSONAGENS TÃO REAIS?
Hoje você provou ser uma verdadeira heroína do Olimpo.
E o Nico... EU NÃO SEI FALAR SOBRE O MEU IRMÃO! PORQUE ELE É PERFEITO. PERFEITO E SOFREDOR! E NO FINAL, QUANDO APARECE O NOVO SHIP PRA ELE (eu tô surtando aqui mas não vou falar sobre isso. Só que é um ship gay. Porque sim, O NICO É GAY, SE VOCÊ RECLAMAR POR CAUSA DISSO - e acredite, eu vi muita gente fazendo mimimi - VOCÊ VÁ PARA O TÁRTARO E FIQUE LÁ!). O ship novo dele é lindo, é apaixonante, eu chorei. Não vou falar que destino teve, se virou canon ou não, mas foi lindo.

Resenha O Sangue do Olimpo

E eu vou só deixar esse gif aqui para expressar uma cena que deveria ter sido trágica mas que eu A-D-O-R-E-I. Me fez sentir vingada pela vida. E aconteceu com um personagem que eu odeio:

Resenha O Sangue do Olimpo

Percabeth, por fim, foi aquela lindeza de sempre. O Cabeça de Alga e a filha de Atena sendo geniais (o Percy nem tanto, né), perfeitos, tão unidos e queridos e ainda mais apaixonantes. O relacionamento dos dois teve o ápice da fofura em um momento do livro, e eu queria muito citar todo ele, mas não posso porque é muito spoiler!
- A rivalidade termina aqui — disse Percy. — Eu amo você, Sabidinha.
Resenha O Sangue do Olimpo

Enfim, Rick Riordan nos presenteia com o encerramento brilhante de uma série maravilhosa. Todos os pontos, todos os detalhes, todas as mínimas teorias criadas no decorrer desses cinco livros culminaram num fim genial e agradável. Doeu, mas foi uma dor boa. Obrigada, tio Rick, por esses livros, personagens e pela incrível aventura com os semideuses gregos e romanos. RIORDAN, POR FAVOR, ESCREVA LOGO MAGNUS CHASE!

Resenha O Sangue do Olimpo

PS.: Tem uma indireta da nova série a respeito dos deuses nórdicos em O Sangue do Olimpo. Eu tive um surto quando li.

Título original: Heroes of Olympus, vol. 5 - Blood of Olympus
Autora: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Nota: 5 +

Saiba mais em: Skoob | Buscapé

Share this:

, , , ,

COMENTÁRIOS

16 comentários:

  1. Não acompanho a série, mas sei exatamente o que sente porque senti o mesmo em relação a Harry Potter. Depois que termina uma série, você se sente completamente desolada, né? Eu, pelo menos, refleti uns 30 minutos quando terminei o último livro. Fiquei olhando pro nada, pensando na vida pós HP. Triste! HAUHAUHA Ainda não tive coragem de ler os livros do Rick, mas todos falam muito bem e acaba atiçando um pouco minha curiosidade em relação a história.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesma sensação de quando acabou HP, exatamente. Fica um vazio no coração e parece que nada mais é tão feliz e você só quer voltar pros personagens e fingir que nunca leu um último livro D:
      Menina, se gosta de HP, quando puder leia os livros do tio Rick! Tem muito humor e aventura E OS PERSONAGENS <3 TÃO RICOS E MARAVILHOSOS :')
      Obrigada pela visita!

      Beijos,
      Denise Flaibam.
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

      Excluir
  2. Oi Denise!
    Não li os livros desta série. Não faz muito dos que eu gosto. Imagino a sua aflição, o se desespero, a sua reação, ao ler o último livro da série. É sempre muito ruim!! Dá vontade de ler tudo de novo... ou se não, raiva por não ter lido devagar, para demorar de demorar. Acredite, eu já fiz isso! Já li um livro de 30 capítulos, lendo um capitulo por dia para ele demorara de terminar. E quando o livro tava muito bom, lia dois, porém no outro dia não lia nenhum para não errar a conta hahahahahahhahah Coisa de leitor fanático!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vitoria!
      Sim, último livro de série, ainda mais séries longas, que nem essa (PJO saiu em 2005), sempre deixa aquele momento de reflexão e dor porque dizer adeus não é fácil.
      UHASUHASUHASUHASUHASUHASUH Eu queria mesmo ter lido mais devagar, mas ao mesmo tempo não queria! É uma bipolaridade emocional absurda, vou te contar o_o
      Tu conseguiu?! Nossa, parabéns! Se o livro é muito bom rola aquele desespero, mas eu não consigo parar de ler, só quero devorar logo. Queira ter essa paciência, dai a história durava mais ç_ç
      Obrigada pelo comentário, flor.

      Beijos,
      Denise Flaibam.
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

      Excluir
  3. Tenho todos os livros de Percy Jackson (1ª temporada) mas eu não consigo sair do segundo livro e eu já ganhei o herói perdido. Acho as histórias um pouco confusas e não acho uma narração gostosa :(
    estantedorefugio.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério Amanda? D:
      Poxa, que pena. As histórias são maravilhosas; o jeito como o tio Rick adapta a mitologia grega pros dias atuais, eu acho tudo muito genial *-*
      Uma pena mesmo, mas se não curtiu a narração é difícil gostar do livro :/
      Obrigada pela visita!

      Beijos,
      Denise Flaibam.
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

      Excluir
  4. Denise!
    Tão triste quando uma série que acompanhamos desde o início e é uma série boa, acaba. Nos sentimos órfãos e como falou, o que fazer da vida agora?
    Li alguns livros da série, porém ainda não terminei.
    E gosto demais.

    Final de semana e início de mês carregadinhos de paz!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rudy!
      Pois é, flor. Deixa um vazio no coração, parece que nenhum outro livro vai ser tão bom quanto aquele (e geralmente não é). O que é vida agora que meus heróis gregos foram embora? D;
      Mas o bom é que o tio Rick não para e logo tem os deuses de Asgard por ai <3
      Ahhh que bom! Você vai adorar o final, com certeza *-*
      Ótimo final de semana pra ti, obrigada pela visita.

      Beijos,
      Denise Flaibam.
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

      Excluir
  5. Oiee
    Eu li Percy, ai q saudade, livro mto bom, narrativa otima, facil de ler ate de manha cedo sem perceber rs
    Li os da minha irma, mas to doida esperando uma promo pra comprar e reler tudo, e a lista aumenta kkk de compras e leituras :P
    Surtei muito qd acabou a serie do percy, do harry tb, a trilogia millenium, dragoes de eter, e muitos outros, acho q sou uma pessoa que mergulha infinitamente e sem limites nas histórias, como se eu fizesse parte daquele mundo tb enquanto estou lendo! Indo pra leitura antes de dormir rs
    Bom final de semana :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sabrina!
      PJO é muito vida né? HASUHASUHASUHASUH definiu perfeitamente! Eu acho tudo que o tio Rick cria/escreve/reescreve a partir de mitos e lendas gregos muito genial, queria ter a mente daquele homem.
      E o humor! Como eu adoro o humor dele.
      ASASUHASUHASUHASUHASUHASUH lista de compras e leituras sempre aumentando, faz parte.
      Exato, tu expressou o sentimento perfeitamente! Da trilogia Millennium também. Dragões de Éter (apesar de eu ter ficado meio cismada com o final G_G), Estilhaça-me, toda série que chega ao fim e com a qual a gente se ligou um pouco deixa aquela sensação de dor... É triste, mas é feliz ç_ç
      Ótimo final de semana pra ti :D
      Obrigada pelo comentário.

      Beijos,
      Denise Flaibam.
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

      Excluir
  6. Queria ter surtado tanto quanto você com o final da série kkkk a série inteira é maravilhosa mesmo, o ~tio rick é maravilhoso~ mas acho que ele pecou sim nesse último. É aquela história, o autor pode ser tudo de bom e ter escrito algo esplêndido, mas não dá pra elogiar o tempo todo só por gostarmos tanto. Pode acontecer sim de algo não nos agradar, e foi o que infelizmente aconteceu nesse. Eu sou uma das pessoas que reclamou mesmo da falta de narração de outros personagens, porque dava muito bem pra ele introduzir os outros, e com isso o Frank e a hazel ficaram bem ausentes durante grande parte do livro. Além da amizade enorme que surgiu entre Jason e Percy, e Annabeth, Reyna e a Piper, pareceu até meio forçado. Sem contar no Percy, que parece que abobou depois de voltar do Tártaro. E o que ainda não me conformo, foi a luta contra Gaia. A gente espera o livro inteiro pelo grande confronto, pra em pouquíssimas páginas tudo passar de forma mais simples que imaginava. Não que tenha sido fácil, não to falando que se estivesse no lugar deles faria algo melhor, pelo amor kkkkkkkkk to falando que esperava mais, só. O único que não tenho o que reclamar é do Léo. Tudo relacionado a ele foi perfeito <333

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, mas ai faz parte. Cada um tem uma opinião sobre os livros, senão ficaria sem graça viver nesse mundo de leitores UHASUHASUHUHASUHASUHASUHAS o mesmo vale pra Sangue do Olimpo. Eu só vi perfeição nele, a Eduarda, desse blog, não gostou de alguns pontos, diferentes dos seus, e assim segue a vida...
      O Percy ter ficado meio abalado depois da volta do Tártaro foi algo que eu aceitei porque ele já era cabeça de alga e já fazia muita besteira antes, depois de ter visitado o reino dos mortos e passado por tudo aquilo, meio que esperei que ele não fosse mais o mesmo. A mesma coisa vale pra Annabeth, que obviamente carregava trauma e tudo mais. A gente só não vivenciou muito isso pela falta de POV deles.
      Sobre as amizades, acho que numa hora de vida ou morte como eles estão ali, e, principalmente depois de Casa de Hades e de Percabeth ter voltado de um destino aparentemente tão terrível, a ligação entre eles se estreitou em algo realmente forte. E eu gostei do brotp que se formou entre o Jason e o Percy, tava esperando ansiosamente por isso ASUHASUHUHASUHASUHASUHAS
      Quanto à batalha, eu reeeealmente gostei. Por ser o tio Rick, eu tinha expectativas consideráveis, mas gostei de como ele fechou com o que começou, com os três do primeiro livro sendo os responsáveis por acabar com ela. E, de novo, a gente só vivenciou a parte com a Gaia, mas talvez um ponto de vista no meio do conflito tivesse soado mais adrenalístico. Porque de um lado eles tavam lá em cima, e do outro o Nico tava lidando com outra crise, não chegamos a leeer a batalha. Eu amei tudo, eu amo aquele homem e aquele livro, não consigo mesmo ver os pontos que outros leitores reclamavam ASUHUHASUHASUHASUHASUHASUHASUH
      O Leo foi maravilhoso e querido, amei tudo envolvendo ele <3 principalmente o final! Foi perfeito :')
      Obrigada pela visita! :D

      Beijos,
      Denise Flaibam.
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

      Excluir
  7. Meus deuses, amei essa sua resenha, você conseguiu explicar tudo o que senti e não conseguia explicar. Claro que queria um pouco mais de Percabeth (sim, adoro eles *-*), mas todos os outros personagens foram perfeitos... E para eu que não gostava do Jason e da Piper, adorei eles, principalmente ela e suas atitudes lindas... E adorei aquele final. Faz uma semana que to tentando fazer um texto falando da série pro meu blog e não consigo, não acho palavras. Mas o seu está simplesmente perfeito. Chega logo Magnus Chase!!!! Fiquei exatamente como quando acabei Harry Potter... Enfim, parabéns!!!
    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol! Que ótimo saber que gostou da resenha, obrigada *---*
      Percabeth é muito amorzinho né? Eu entendo seu ponto, o tio Rick poderia ter puxado um pouco mais pra eles, realmente, mas foi consequência da escolha de POV's :/ quem sabe não rola um conto ou algo assim dele? Eu acredito que os personagens ainda voltem ASJKFNASUIBSGUABSGAUOBGA
      Jason e Piper foram muito vida né? XUXUZINHOS <3
      Cê nem me fale, eu demorei muito pra montar essa resenha. Parece que não importa o que a gente diga, nada chega perto da lindeza que foi esse último livro né? E sim, mesma sensação de quando acabei HP. Fiquei triste, mas fiquei feliz.
      QUE VENHA MAGNUS CHASE AKJFNSUGBAUOGBAUOAS
      Obrigada pela visita, flor!

      Beijos,
      Denise Flaibam.
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

      Excluir
  8. MEU DEUS DO CÉU, COMO ME IDENTIFIQUEI COM ESSAS REAÇÕES!
    LET ME HUG YOU!!!
    Então, eu gostei da Reyna desde a primeira vez que ela apareceu, mas ela ganhou um grande espaço em meu coração nesse último livro.
    Nico... Bem, foi meu personagem favorito desde A Maldição do Titã (até então, eu simpatizava apenas com o Luke *crying*). E o fato dele ser gay não alterou minha preferência, porque depois que ele se aceitou e se abriu, ficou ainda mais badass. Haters gonna hate!
    Sobre Jason e Piper: eu gosto deles, mas não tenho um amor muito grande. O mesmo vale para Percy e Annabeth.
    Frank e Hazel são amorzinhos e muito especiais.
    E o LEO. LEEEEEEEEEEEEEEEEO. POOR BOY. BIG HERO. Apesar de antes ser levemente avulso e o alívio cômico, realmente gostei muito do rumo que a história dele tomou. Shippo mesmo com Calipso (finalmente livre, yay, Rick não esqueceu dela <3).
    Confesso que eu queria um pouco mais de luta e ação no final, achei que a Gaia foi derrotada muito facilmente, mas entendo e aceito. That's ok.
    É isso.
    Sobre Magnus Chase: *meme Capitão América aqui* Entendi a referência!
    Li o primeiro trecho liberado há algumas horas e já me conquistou. A linda da Annabeth aparece, então matarei a saudade dela.
    That's all. Ótima resenha! Beijão. sZ

    ResponderExcluir
  9. Eu ameii de paixão os livros do Percy Jackson e os Olimpianos e tambem os Heróis do Olimpo, e tipo... Achei perfeito a historia, a dedicacao a cada personagem e etc... Só fiquei um pouco decepcionada no final do.O Sangue do Olimpo, pq o Tio Rick deveria ter falado pelo menos se o Leo e Calipso foram para o acampamento ou sla... qual rumo eles tomaram.. e eu tbm queria saber se ele avisou os amigos dele que ele estava bem... mas o livro nao deixa de ser perfeito.. E tipo...ia ser muito se o Bob tivesse ido pro mundo mortal pra dar oi pras estrelas.. ou Damásen poder vim tbm pro mundo mortal ter sua plantacao... fiquei com dó do Bob 😢... E pqp como o Leo é perfeitoooo... dou muita risada com ele... E o Nico nem se fala... mds, amo aquele menino cara <3, gostei do seu post.... Bjos

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!