Resenha [prova do livro]: A Playlist de Hayden


Recebi a prova do livro A Playlist de Hayden e corri ler porque tenho interesse nessa história há um tempinho. Vi algumas opiniões no Goodreads a respeito, mas não esperava uma trama tão impactante quanto a que esses primeiros capítulos já apresentaram!

Sinopse: A playlist de Hayden - Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente.Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava.A PLAYLIST DE HAYDEN é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil.
No Tumblr, o pouco que eu soube da história envolvia a Astrid e o Sam. Eu não estava preparada para descobrir que essa proximidade entre eles é só uma das muitas coisas (e uma das menos consideráveis, aliás) no livro. 

É muito mais sobre o que o personagem Hayden deixou para trás, para Sam, do que qualquer outra coisa.

O livro começa com a morte de Hayden. Um suicídio, aliás. Pelo ponto de vista do Sam, seu melhor amigo em todo mundo, acompanhamos essa descoberta e o choque da realidade depois que isso acontece. O que o Sam vai fazer agora que seu único amigo morreu? Por que ele se matou? 

Depois do funeral, Sam encontra uma misteriosa garota chamada Astrid, que parece ter conhecido Hayden mais do que ele esperava - afinal de contas, eles não eram os únicos um do outro? De onde essa garota saiu e por que ela parece conhecer tanto o Hayden? Que misteriosa playlist é aquela que o Hayden deixou - e o que ela revela, principalmente?


A playlist é maravilhosa, para começo de conversa. De Radiohead a Metallica e Ramones, as músicas são marcantes e foram escolhidas unicamente por seus significados. Cada capítulo é ponteado por uma melodia específica, que combina muito com o clima daquele trecho. Invisible, do Skylar Grey, que tem uma ligação fortíssima com um momento meio assustador meio "o que está acontecendo aqui?" que é quando Sam recebe mensagens do usuário usado pelo melhor amigo num chat.

"Aquimago_Ged: Muitas pessoas querem ser invisíveis. Talvez elas até pensem que podem fingir que são. Mas sempre alguém as vê."
Uma coisa importante aconteceu já nesse começo de livro, mas eu não quero citar abertamente pra não estragar o spoiler. Só posso dizer que ou se trata de uma alucinação ou é algo sobrenatural. Acredito que a história não vá pegar para o lado místico, maaaas aquela ceninha no último capítulo disponível na prova me deu uns arrepios! QUERO RESPOSTAS, PELO AMOR DOS CÉUS!


Eu adorei o Sam. Conheci tão pouco dele, mas já o considerei tanto. Tem alguma coisa numa memória dele e do Hayden envolvendo uma festa que me deixou muito curiosa. Algo ruim, que aparentemente os fez brigar e causou o episódio do prólogo do livro. Preciso MUITO descobrir o que é - apesar de ter minhas teorias.

"Sentir raiva só reiniciava o ciclo, um ciclo que já se tornava familiar. Ficar com raiva. Culpar Hayden. Sentir culpa. Ficar com saudade do meu amigo. Sentir raiva de novo. Tudo isso era ocasionalmente pontuado por um desejo quase incontrolável de gritar ou destruir coisas, apesar de eu não ser capaz de fazer nada disso."
Gostei de como a autora está começando a trabalhar esse trauma do Sam em perder o melhor amigo e mal posso esperar para ver a evolução dele a respeito dessa perda; acho que a Astrid vai ter um papel muito importante nisso, tal como sua família. A narrativa dela flui muito bem. Alguns trechos são mais impactantes, outros são mais sutis. É o tipo de escrita com que você se relaciona facilmente.

A Playlist de Hayden tem tudo para ser aquele livro com uma boa pegada de drama, de amizade e romance fofo. O lançamento acontece no dia 6 de abril, então fiquem de olho nas livrarias, porque tá ai um título que vai valer muito a pena ter na sua estante!


Título original: Playlist for the Dead
Autora: Michelle Falkoff
Editora: Novo Conceito
Gênero: Drama
Nota: 5

Saiba mais: Skoob | Saraiva | Buscapé

Share this:

, , , , ,

COMENTÁRIOS

6 comentários:

  1. EU QUERO! T.T

    Já estou sofrendo! Quando tem suicídio envolvido eu sempre fico balançada.

    Espero poder ter logo em minhas mãos.

    Ótima resenha!

    Beijos ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. QUEIRA, QUEIRA MUITO PORQUE ESSE LIVRO ASKJUOGBAUOBGAUOGAU
      QUERO TAMBÉM!
      Tô sentindo que as emoções na história vão ser fortes, do tipo Jão Verde feelings ç_ç
      Obrigada pelo comentário!

      Beijos,
      Denise Flaibam.
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

      Excluir
  2. Respostas
    1. Leia e surte comigo <3
      Obrigada pela visita, xuxu

      Beijos,
      Denise Flaibam.
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

      Excluir
  3. Oi Denise!

    Eu gostei muito da sinopse do livro, e lendo a sua resenha sobre a prova, fiquei bem animada. Me agradou total e já desejo! A história parece ter todos os elementos de um bom livro. Aguardo a resenha completa!

    Adorei!
    Beijoss

    http://livrosontemhojeesempre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila!
      Estou esperando ansiosamente pra terminar essa leitura porque ô cliffhanger ali no fim da prova do livro ç_ç ASUHASUHASUHASUHUHAS meu coração não é forte não, gente.
      Fico feliz por ter gostado da resenha! *-*
      Obrigada pela visita!

      Beijos,
      Denise Flaibam.
      http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

      Excluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!