Resenha: Maré Congelada - Queria Estar Lendo

Resenha: Maré Congelada


Lançado pela Editora Seguinte no Brasil, Maré Congelada deixa uma grande impressão sobre o andamento da série de Morgan Rhodes, com mais magia e busca pelo poder, se mostra uma aventura na qual é difícil não querer fazer parte.
Sinopse: As disputas pela Tétrade, quatro cristais mágicos capazes de conferir poderes inimagináveis a quem os encontrar, continuam. Amara roubou o cristal da água, Jonas conseguiu o da terra, Felix enganou os rebeldes para ficar com o cristal do ar, e Lucia está com o do fogo. Mas nem todos sabem como ativar a magia da Tétrade, e apenas a princesa feiticeira conquistou poder até agora, aliando-se ao deus do fogo que libertou de seu cristal. Gaius, o Rei Sanguinário, também não desistiu de encontrar os cristais. Ele está mais sedento por poder do que nunca, especialmente agora que não conta mais com a ajuda da imortal Melenia nem com o apoio de Magnus, o herdeiro que o traiu para poupar a vida da princesa Cleo. Para conquistar todo o mundo conhecido, Gaius resolve atravessar o mar gelado até Kraeshia, e tentar um acordo com o imperador perverso de lá. No caminho, o rei vai encontrar muitas dificuldades e inimigos, como Amara, princesa de Kraeshia, que tem seus próprios planos para conquistar o poder. Gaius, o Rei Sanguinário, também não desistiu de encontrar os cristais. Ele está mais sedento por poder do que nunca, especialmente agora que não conta mais com a ajuda da imortal Melenia nem com o apoio de Magnus, o herdeiro que o traiu para poupar a vida da princesa Cleo. Para conquistar todo o mundo conhecido, Gaius resolve atravessar o mar gelado até Kraeshia, e tentar um acordo com o imperador perverso de lá. No caminho, o rei vai encontrar muitas dificuldades e inimigos, como Amara, princesa de Kraeshia, que tem seus próprios planos para conquistar o poder.

No quarto volume da série, os personagens estão mais corajosos e determinados do que nunca. Com a recuperação, roubo e libertação dos cristais da Tétrade, suas ações já não deixam margem para erro, fazendo com que a história receba mais ação e dinamicidade. A cada capítulo, segue a luta por poder e magia, encaminhada desde o início da série.

Morgan Rhodes já domina melhor sua narrativa e seus inúmeros personagens, mostrando com clareza as características e objetivos de cada um, assim como suas mudanças e evolução. Ainda é possível achar algumas frases e a troca muito rápida de comportamento por parte dos personagens, mas da mesma forma, as melhorias são consideráveis.
 - Isso está absolutamente delicioso – Kyan disse sinalizando para a atendente trazer mais uma tigela. 
Lucia olhou para ele com descrença. 
- É apenas sopa. 
- Você diz isso como se não fosse um milagre contido em uma tigela de madeira. É subsistência que tanto o corpo quanto a alma. Os mortais podem viver de carne sem tempero e grama e, ainda assim, optam por criar receitas com perfume e sabor divinos. Se utilizassem a mente dessa forma para tudo, em vez de perder tempo brigando e se matando por razões insignificantes... 
Muitos personagens além dos 4 principais foram inseridos ao longo desses 4 livros, ganhando também capítulos próprios, e pode-se dizer que a autora incorpora melhor alguns do que outros. Amara Cortas, filha do imperador de Kraeshia, é uma. Desde sua primeira aparição, duvida-se de suas intenções e algumas ações dela nos fazem ter raiva da personagem. Mas conforme vamos lendo seus capítulos muito bem escritos, descobrimos a profundidade de Amara e os aspectos de sua vida, seus motivos e ambições e fica difícil odiá-la ao se colocar no lugar dela. De uma personagem que julguei rasa e fútil, a uma das minhas preferidas e que contribuiu para a enorme dúvida de a história irá parar.


Magnus ganha maior destaque em Maré Congelada, como esperado. Antes inseguro e preocupado com a aprovação do pai e o amor da irmã, o príncipe herdeiro tornou-se forte e determinado, buscando a própria aprovação e seu lugar de direito, seguindo sua vontade e exercendo-a, não a do pai. Algo que sempre admirei nele foi a capacidade de percepção e observação. De forma inteligente, Magnus vê as coisas antes de todos e agora, possuidor do Trono de Limeros, ele sabe que não deveria estar em outro lugar, se não ali. Principalmente com Cleo ao seu lado, mesmo com sentimentos conflitantes que os cercam.
- Desistir. Achar que pode fazer mais alguma coisa no momento? Esqueça. Você fracassou várias vezes como rebelde e com líder. Estou morto por causa das suas decisões estúpidas e da sua teimosia. Assim como outros: dezenas morreram por sua causa.Jonas recuou como se tivesse recebido um golpe. 
Olhou para baixo e observou as tábuas de madeira. - fiz o melhor que pude.

Por também estar em heimeros, Cleo tem maior presença nesse livro, como Magnus. Procurando desfrutar toda vantagem possível para reconquistar seu trono, ela escuta, observa e procura aliados. A personagem se mostra mais inteligente e firme, aguardando seus momentos com calma estratégica. Apesar disso, notei algumas pequenas regressões na personagem, algo que pensei que a autora tivesse superado no livro anterior, como a “separação” entre ela e Magnus e devido às deneidas antigas e já resolvidas, agora abertas de novo, a fuga de Cleo quando se vê confrontada emocionalmente. Tudo isso havia sido fechado e agora reaberto. Só espero que a autora se mantenha focando na evolução de Cleo, e não em intriguinhas bobas que já cansamos de ler.
- Não vou a lugar nenhum. Eu e você vamos para o palácio juntos. E vamos procurar Lucia juntos. E quando seu pai vier atrás de nós, vamos enfrentar sua fúria juntos. 
Ele lançou um olhar furioso para a princesa zangada. Cleo também o encarou, sem se intimidar. Com os ombros para trás, queixo empinado, ela era uma tocha ardente no meio da noite fria e interminável. 
Magnus queria muito ser forte o bastante para odiá-la. 
- Muito bem – ele disse por entre os dentes. – Mas lembre-se: você tomou essa decisão sozinha.
Em se tratando de Jonas, é admirável o quanto ele amadurece. De impulsivo e cego de vingança, a racional e cuidadoso. Após tantas derrotas Jonas aprendeu a ser calmo em suas decisões, examina a melhor oportunidade e procura saber em quem confiar. Sua promessa agora não é contra quem matou sua família, mas sim com o povo e o futuro de Mítica. Isso lhe trouxe mais força e bons aliados. Os esforços e a evolução do personagem começaram a valer a pena.


Escrever uma história que englobe em uma mesma linha do tempo vários pontos de vista não é algo simples, mas independente de pequenos desvios, Morgan Rhodes está fazendo isso muito bem. É uma história de dor, perda, coragem, esperança. Todos os personagens, seja na pobreza ou na realeza, tinham seu próprio sofrimento e diferentes motivações, mas que agora se encaminham para um único objetivo. Não mais focado neles mesmos, mas na esperança de um futuro melhor para todos.

E você, o que está achando da direção que a série está tomando?

Título original: Frozen Tides
Autor: Morgan Rhodes
Editora: Seguinte
Gênero: Fantasia
Nota: 4

Saiba mais: Skoob


Gostou do livro? Adquira através dos links abaixo e ajude a manter o blog!



Share this:

, , , , , ,

COMENTÁRIOS

11 comentários:

  1. Oi, Camila!
    Menina, eu tenho uma relação de amor e ódio com Amara e Jonas hahhahahha
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  2. Oii Cami, morro de vontade de ler essa série, quem sabe em 2018 né?! hahahaha
    - Beijos,Carol!
    http://entrehistoriasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oie
    Fiquei interessada no livro, tem um enredo muito bom. Curto muito este tipo de história. Achei demais esta capa.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá, Camila.
    Eu só li os dois primeiros livros dessa série, dai estava com muitos livros de parceria para ler e acabei deixando para depois e até agora não voltei a ler. Pleo menos nos dois livros que li achei os personagens bem inconstantes. Os que eu amei no primeiro, odiei no segundo e vice-versa. Mas gostei de saber do amadurecimento do Jonas porque ele foi o personagem que menos gostei.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Oi Camila, a Luiza do balado de babados gosta tanto dessa série que eu super tenho curiosidade e com vc falando então, a chances de ler só aumentam! A autora parece conseguir manter bem a qualidade dos livros e isso numa série longa é bem importante! Espero que vc curta os próximos tb!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Oi, Camila!
    Ainda não li nada da série, mas acho as capas lindas, e fico contente em saber que a história manteve sua qualidade até mesmo o quarto volume, nem sempre o autor consegue manter o ritmo e a ideia que foi proposta lá no começo. Ótima resenha!!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu acho muito interessante esse tipo de história, espero colocar em minhas metas deste ano. Amei as fotos e a capa é muito linda! Feliz ano novo e muitas realizações. Estou seguindo seu blog. Bjss

    www.historiasdaiza.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi, Camila!
    Não li a série, então não quis ler toda a sua resenha para não pegar nada que pudesse estragar os outros livros.
    Espero poder ler a série em breve!
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

    ResponderExcluir
  9. Oi Camila, como vai?
    Este gênero não é um dos que costumo ler, mas achei a premissa da série interessante. Sua resenha mostra que a autora está sabendo manter o ritmo e que está conseguindo manter a escrita constante, o que é algo difícil em uma série.
    Bjus
    Doces Letras

    ResponderExcluir
  10. Oi, Camila

    Que bom que houve essa melhoria. Já li algumas resenhas dessa série e elas são bem divergentes. Não é um gênero que eu curta muito, então provavelmente não leria, mas achei bom que os personagens tem lá sua relevância e que Amara deu essa evoluída na sua escala! Espero que ela permaneça assim! Rss

    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Camila,
    Ainda não conhecia esse, valeu pela dica!!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!