8 Histórias para Ler no Wattpad

8 Histórias para Ler no Wattpad


Hoje eu decidi fazer um post um pouco diferente do que estamos acostumadas aqui e trazer 8 histórias para ler no wattpad de graça.

Eu sei, eu sei. A imagem do wattpad não é das melhores, geralmente quando se pensa no site, logo vem a mente livros como After e toda a discussão da romantização de abusos -- e como tem isso por lá! Mas desde que comecei a publicar Estrelas Perdidas na plataforma, me comprometi em explorar mais dela. Ir além dessa superfície terrível. E acabei descobrindo histórias divertidas e surpreendentes, que nem sempre tem milhares de leituras (embora merecessem!) e nem trabalham estereótipos terríveis.

E aí, porque não dividir com vocês, não é mesmo? Então aqui vai minhas 8 indicações!


Um conto de terror para os fortes de estômago.
"Trate bem as pessoas em vida. Você nunca sabe como elas te tratarão na morte."
Um conto visceral e cru, como tudo que já li da Claudia Lemes até hoje. É uma ótima forma de conhecer o trabalho dela e se preparar, caso você tenha interesse em ler Eu Vejo Kate e/u Um Martini com o Diabo (e eu não sei porque você não iria querer).



Cipriani, o famoso restaurante do Copacabana Palace está perdendo clientes graças ao novo e misterioso restaurante da cidade e Cecília terá um novo desafio pela frente: infiltrar-se na cozinha inimiga e descobrir a receita secreta. O que ela menos esperava era que o chef de seu novo emprego fosse o italiano, divertido e sedutor Enzo. O que ela vai fazer quando perceber que a sua missão secreta é muito mais deliciosa do que parece? Uma pequena história sobre o universo gastronômico e amores imperfeitos que fará você querer devorar até as últimas páginas.
Uma novela com apenas 10 capítulos, Ovo Frito é recheado de boa comida e amor. O humor da Lara é delicioso e não tem como não se apaixonar pela Cecília e o Enzo. Sem contar que a explicação por traz do título, que aparece no meio da história, é maravilhosa. A história está completa e tem até um capítulo extra chamado "Vale o Amor Quando se não é Alguém?".

Clara é uma mulher que sabe o que quer. Jornalista, 23 anos, colunista na parte de esportes e bem sucedida no que faz. Depois de ter desafiado o mais novo craque do futebol brasileiro - Ricardo, um colírio para os olhos de qualquer mulher e dono de um Centro Esportivo - à uma partida de futebol, Clara se torna o mais novo alvo da mídia e dos paparazzi, tendo que conciliar sua fama nas redes sociais e sua vida pessoal. Mas o que ela não fazia ideia, era que Ricardo ficaria interessado em conhecer a jovem e bonita jornalista que o desafiou em plena rede nacional. E o que ela não esperava era que tentar não cair nas graças do irresistível e encantador jogador seria o mais difícil de tudo. A única coisa que resta à Clara é jogar com a bola toda e confiar nos seus instintos.
A história é bem brasileira, né gente? E a narrativa da Nathalia é como se a sua amiga estivesse te contando a história. Ela já está completa lá no wattpad, então não tem essa de ficar ansiosa esperando mais.

Mônica gosta de rotinas. Ela aprendeu a evitar situações desconfortáveis por causa delas. Com dezessete anos, cinco irmãos, um talento nato para a fotografia e uma paixão antiga pelo Enzo, o maravilhoso goleiro do time da escola, Mônica está muito bem, obrigada.

Contudo, um mal entendido coloca Mônica como fotógrafa oficial dos jogos, o que significa encontrar com o astro do time de futebol, consequentemente o amor da sua vida (e o fã clube alucinado dele) várias vezes no dia. Passos bem calculados se tornam uma sequência de incidentes inesperados, como encontros nas festas da escola e sorrisos apaixonados. Espera aí... O Enzo, apaixonado por ela?

De repente, Mônica precisa lidar com as reviravoltas da vida adolescente, coisas que até então tinha conseguido evitar. Mônica e Enzo e Todos os Dias é a história de um amor surpreendente e cheio de possibilidades. Será que a Mônica vai conseguir fugir dos seus medos para viver esse primeiro amor?
Ah, o que falar de Mônica e Enzo que eu ainda não tenha dito? Divertido, romântico e deliciosamente fangirl como só a Mônica sabe ser. QUEM não se identifica com essa história?

Um Blues a Três - J.T. Santos

Esta pequena história é sobre música, dores, amores e recomeços.

Esta é a história de três vidas que se encontram sem querer: Ella, uma machucada cantora de blues e jazz; Philip, pai solteiro, viúvo e professor universitário e Thomas, a terceira corda surda deste trio aparentemente desajustado.
Ah, gente! Não tenho palavras para essa história. É um conto em 5 partes emotivo e delicado, com muito blues. Além desse, a autora também tem um livro chamado Sob o Signo do Café, um romance histórico que se passa no Brasil escravocrata, muito bem falado e que eu pretendo ler em breve!



Depois de um período fora do país, Zoe finalmente sabe que rumo dar a sua vida. Deixando para trás carreira, cidade e um antigo amor, Zoe muda-se para San Francisco e começa sua residência em medicina de emergência.

Recém-chegada ao Hospital Geral Mercy Bay, a ideia era focar na sua carreira, mas quando ela esbarra no bombeiro mais quente da cidade no Pronto Socorro, tudo muda. Adam é bonito, engraçado e empenhado em salvar as pessoas, e Zoe percebe que não vai conseguir ficar longe dele desde o seu primeiro encontro. O problema é que as complicações de um relacionamento não estavam nos seus planos.

Zoe acabou de descobrir o poder das segundas chances ao mudar de emprego, mas será que Adam conseguirá lhe mostrar o poder de uma segunda chance para o amor também?
Preciso honrar meu lado louco por séries médicas. Esse livro é o primeiro de uma série, com momentos engraçados, fofos e quentes (se é que me entende) que cura aquela saudadezinha das minhas séries quando elas entram em hiatus.

Eu, Cupido - Julia Braga

Quando Liliana Rodríguez foi machucada pelo amor na sétima série, ela parou de acreditar em qualquer tipo de romance. Até que um dia, sem querer, ela quebra a mão do cupido responsável por fazê-la se apaixonar pelo seu melhor amigo e, sentido-se muito culpada, aceita ser sua substituta por um mês. A partir de então a vida de Liliana passa a girar ao redor do sentimento que por tantos anos ela desprezou.
Assumir o papel do cupido pode ser uma missão tão divertida quanto complicada, especialmente quando mexe com questões do seu próprio coração - e a aventura da Liliana nesse mês como a responsável pelas flechas do amor não poderia ser uma bagunça mais divertida.



O matrimônio de Melissa e Lucas, que durou três anos, teve inicio na faculdade, onde eles se conheceram. Adolescentes, os dois eram extremamente apaixonados um pelo outro e, principalmente, pela vida. Nessa fase livre de responsabilidades, a relação sempre muito desajeitada dos dois rendeu várias ocasiões inusitadas, deixando Flashbacks de brigas, provocações e brincadeiras de mau gosto na história.

Lucas e Melissa são bem diferentes. Ela, professora de história, é completamente certa e perfeccionista. Seu apartamento é impecável e extremamente limpo mesmo no meio de um apocalipse zumbi. Ela só come comida enlatada, não pede pizza de fora e nunca deixa ninguém ao menos sentar em sua cama.

Ele, o oposto completo, é formado em psicologia, mas deixa seu diploma guardado para trabalhar em uma oficina de motos, pois sabe que, no fundo, seu verdadeiro desejo nunca foi ser um doutor.

Ele não é bad boy, arrogante ou misterioso. Também não é um exemplo de fofura, e com certeza passa longe daquele modelo de príncipe encantado. Ele só é ele.
E depois de três meses separados, os dois são obrigados a dividir um apartamento quando uma situação de vida ou morte os impede de continuar se ignorando. O único problema é que, apesar de tudo, ainda pode haver sentimentos escondidos ali, e, quando resolvem tentar fugir do prédio em que estão presos, descobrem que não há nada que eles não fariam um pelo outro.
Imagine dividir o apocalipse com o seu ex - o que significa ter que ajudar e ser ajudada pelo seu ex a sobreviver a hordas de zumbis e outros horrores. Com um humor bem marcante e cenas emocionantes e bem descritas, é uma história bem diferente de um gênero bastante conhecido.


E aí, o que acharam das dicas? Vocês também usam o wattpad? Deixem suas indicações de histórias na plataforma que valem a pena!

Share this:

, ,

COMENTÁRIOS

1 comentários:

  1. OIE BIBS
    agora sim, depois de quase meio século criei vergonha na cara para comentar nessa postagem LINDA
    NA REAL sério, fiquei super "UKE VIADO TO NESSA LISTA CHUPA BRASIL" AUHSDIUASHDUISAD obrigada de coração por me colocar ai num grupo TOPPER que adoro e admiro muito :3

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!