Resenha: Sempre Haverá Você


Recebido em parceria com a editora Novo Conceito, Sempre Haverá Você é um livro tocante. Narrada por uma criança que vivencia um momento sombrio de sua vida com a ingenuidade e doçura que só os mais novos têm, a história emociona com a sensibilidade da sua narrativa.
Sinopse: A mãe do George e do Theo é genial. Ela conta histórias incríveis, acena mais rápido do que qualquer pessoa do planeta e, o mais importante, foi ela que sugeriu que eles adotassem um cachorro porcalhão chamado Goffo. Os meninos acham que ela é invencível. Mas eles estão errados. Porque a mamãe está doente. E cabe ao George e ao Theo fazer a mamãe continuar sorrindo. O que, muito provavelmente, vai envolver galochas, tortas de carne e a participação do Goffo no Concurso de Talento Animal... Agora que a mamãe ficou doente, está cada vez mais difícil sorrir e inventar versos com o Theo. Sempre haverá você conta sobre uma família diferente da sua, mas um pouquinho parecida. E de um menino que está aprendendo algumas coisas. Você quer ser amigo dele?
George tem uma vida bem simples. A família vive bem, ele é feliz. Até o momento em que descobre que a mãe está com câncer, e as chances de sobreviver a essa doença são mínimas. A mãe é sua pessoa favorita em todo o mundo, e a ideia de um mundo sem ela entristece o garotinho - especialmente porque essa doença é um segredo. Ninguém pode saber dela.


A sensibilidade que tanto me encantou está na maneira com que o livro desenvolve os medos e receios do George a respeito do câncer que sua mãe descobriu. A ideia da perda, o que ela significa para alguém tão jovem, tudo isso é destrinchado muito bem e calmamente dentro da história, dando tempo para que o leitor se acostume com o personagem, com sua personalidade, com a vida que ele tanto adora e que está prestes a mudar tão drasticamente. Esse ponto me lembrou bastante Sete Minutos Depois da Meia-Noite; ambos os livros conseguiram, com simplicidade, mostrar a dor e o terror que é a ideia de perder alguém tão importante.

Eu me enganei um pouco com a história porque achei que o cachorro da família, o divertido Goffo, teria mais participações. Talvez algo no estilo Marley e Eu. O foco, no entanto, reside principalmente no George, e dele se desenvolve fracamente aos entornos; seus temores, seus momentos alegres e tristes, tudo isso é o foco da narrativa.


A família dele é uma coisa bagunçada e divertida e importante para o menino. É real. É o tipo de família que se reúne nos almoços de domingo, com avós fofos, tios e primos barulhentos, parentes distantes dos quais você não se lembra; todo mundo que compõe um quadro de alegria no seu dia-a-dia, que contribui para criar boas lembranças.

Sempre Haverá Você é um livro bem rápido. Você lê em um dia e passa por todos os estágios da emoção. Vai rir muito e vai chorar à beça. Vai adorar o George, ficar triste, vai querer abraçá-lo e sorrir com ele, e com certeza vai se sentir parte dessa história.

Título original: Us Minus Mum
Autora: Heather Butler
Editora: Novo Conceito
Gênero: Drama
Nota: 4


Saiba Mais: Skoob | Amazon

Share this:

, , , ,

COMENTÁRIOS

5 comentários:

  1. Já ouvi muitos comentários positivos desse livro, mas ainda nao li. Quero ler em breve
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  2. Olá Denise!
    Não conhecia esse livro, mas achei a história muito tocante. Com certeza lerei :)
    Parabéns pela resenha, beijos!

    Books & Impressions

    ResponderExcluir
  3. Oi, Denise. Eu não sabia que o livro focava mais no garoto e no seu medo de perder a mãe, acho que leria somente por isso. Achei realmente que o cachorro fosse participar mais e quebrei a cara, mas com certeza foi para algo melhor ainda. Amei a capa, ela é linda e mostra a simplicidade que a infância deveria ter.
    Beijo! Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  4. Denise, quero demais ler esse livro. Ele é encantador, pelo menos todas as resenhas que li dele dizem isso. E depois de "Quarto" gosto de ler livros com a visão da criança, ela nos faz sentir muito.
    Ótima resenha s2

    www.papuff.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Dê! Tudo bem? Lá no blog quem leu foi a Ariane e o livro marcou ela demais. Parece ser mesmo uma leitura boa e rápida, daquelas bem meigas! E amei suas fotos!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!