Resenha: Romance com o Duque - Queria Estar Lendo

Resenha: Romance com o Duque

Resenha: Romance com o Duque

Romance com o Duque é o primeiro livro da série Castles Ever After, da autora bestseller Tessa Dare. Publicado pela editora Gutenberg ano passado, o livro narra com muito humor a história de Izzy, um castelo herdado por ela e o Duque que acabou vindo junto com o castelo.
Sinopse: Izzy sempre sonhou em viver um conto de fadas. Mas, por ora, ela teria que se contentar com aquela história dramática. A doce Isolde Ophelia Goodnight, filha de um escritor famoso, cresceu cercada por contos de fadas e histórias com finais felizes. Ela acreditava em destino, em sonhos e, principalmente, no amor verdadeiro. Amor como o de Cressida e Ulric, personagens principais do romance de seu pai. Romântica, ela aguardava ansiosamente pelo clímax de sua vida, quando o seu herói apareceria para salvá-la das injustiças do mundo e ela descobriria que um beijo de amor verdadeiro é capaz de curar qualquer ferida. Mas, à medida que foi crescendo e se tornando uma mulher adulta, Izzy percebeu que nenhum daqueles contos eram reais. Ela era um patinho feio que não se tornou um cisne, sapos não viram príncipes, e ninguém da nobreza veio resgatá-la quando ela ficou órfã de mãe e pai e viu todos os seus bens serem transferidos para outra pessoa. Até que sua história tem uma reviravolta: Izzy descobre que herdou um castelo em ruínas, provavelmente abandonado, em uma cidade distante. O que ela não imaginava é que aquele castelo já vinha com um duque...
Isolde Ophelia Goodnight é uma jovem que acaba de ficar órfã após o falecimento do pai, e não bastando a dor da tragédia ela ainda precisa lidar com os dramas de estar falida e sem um teto sob o qual morar. As coisas parecem mudar a seu favor, no entanto, quando ela descobre que seu padrinho faleceu e lhe deixou uma herança. Com seus problemas prestes a serem resolvidos, Izzy parte ao encontro do ponto de reunião estabelecido para a discussão da sua herança, que ela descobre se tratar do castelo de Gostley, um imponente sobrevivente das invasões escocesas mas que se encontra agora caindo aos pedaços e entregue aos morcegos.
Malditos fossem os deuses. A única coisa que Ransom queria menos do que uma mulher desmaiada era uma mulher aconchegada. Desde que tinha se machucado, ele não gostava de ninguém perto demais. E ele não precisava de aconchego, obrigado. Ele tinha um cachorro.
O que a Srta. Goodnight não contava é que além de ter herdado um castelo, ela aparentemente herdara também um inquilino muito do ranzinza. Afinal, o Duque de Rothbury não apenas reside no castelo decrépito como também afirma que Izzy não pode ser a dona dele, já que ele jamais o vendeu. E é entre farpas e risos que este impasse se desenvolve, com o Duque incomodado com a presença de Izzy e como isso afeta sua rotina e ela tentando tirar o melhor proveito da situação na qual se encontra.
Ele não tinha mais como impedir. A Srta. Goodnight estava se instalando. Fazendo um lar. Que droga de maravilha.
Resenha: Romance com o Duque

Romance com o Duque é o primeiro livro que leio da Tessa Dare e posso dizer que fiquei apaixonada. A leitura foi muito mais rápida e prazerosa do que eu poderia esperar e estou ansiosa para dar sequência na série e também nos demais livros dela. Diferente dos romances históricos com os quais eu estava acostumada, olá Judith McNaught, neste livro não encontrei situações que me fizessem ranger os dentes ou pensar "preciso ignorar isso, pense na época e contexto da história", o que só prova que um romance pode ser quente e engraçado sem precisar ser machista e misógino.
Rothbury estava de pé perto dela. Sem camisa, molhado, cabelos revoltos. Lindo como um deus e furioso como o diabo. Um duque acostumado a ter tudo ao seu modo. E ela não só o provocou, como também o desafiou abertamente.
Um elemento que eu adorei na história são Os Contos de Goodnight, uma história escrita pelo pai de Izzy e que fez fãs por todo o país. Acontece que o pai dela faleceu sem concluir a trama, e agora todos questionam a garota se ela sabe, afinal, como tudo vai terminar. Os fãs mais assíduos da história chegam ao ponto de fantasiarem-se como cavaleiros e damas medievais e participarem de eventos em todo o país, além é claro de terem sua própria caravana e seguir Izzy por aí. Ou seja, Os Contos de Goodnight tem seu próprio fandom e que realiza suas próprias convenções. É o universo fangirl em um livro de romance histórico, eu não poderia estar mais satisfeita!
Ela o beijou com tudo que tinha. Como se ela também quisesse. Como se ela o quisesse desde sempre. Como se o corpo pequeno e esguio dela não fosse nada além de um frasco criado ardilosamente para armazenar uma poção sedutora. Uma essência de desejo, guardada, esperando há anos. Como se em um único beijo ela tivesse percebido sua chance de derramar tudo sobre ele, porque estava cansada de carregar aquele fardo.
Quanto aos personagens, não tem como não se apaixonar por eles. Com as narrações intercaladas podemos ver como Izzy e Ransom se sentem em relação um ao outro, seus medos e anseios, a maneira como a presença do outro os afeta e também seus desejos mais ocultos. Desta forma, Tessa evita cair no clichê do protagonista masculino carrancudo e que no fim se prova um ótimo homem, pois ela nos dá a chance de conhecer o Duque desde as primeiras páginas.
Sua primeira visão de Izzy Goodnight foi dela banhada em ouro. A luz do sol revelou para ele, uma silhueta cintilante e esguia, com curvas graciosas e cabelos soltos exuberantes, que pareciam estar em chamas.
Resenha: Romance com o Duque

O romance só começa a ficar quente, com cenas mais explícitas de sexo, a partir do segundo terço do livro. Até então ficamos apenas com o desenvolvimento dos personagens e sua relação, enquanto acompanhamos o crescimento do desejo que ambos compartilham e de seus joguinhos sobre "isso não é nada". Quanto as cenas de sexo em si, não as achei vulgares, embora algumas palavras pudessem destoar em algum pontos, acredito que isso faça parte do gênero do qual o livro faz parte.
Ele tinha se aprisionado naquele castelo para apodrecer. Ele tinha cortado todos os laços com o mundo exterior. E bem quando ele pensava ter queimado todas as pontes, essa mulher – essa mulher impossível, doce e tola – apareceu, decidida a atravessar o fosso a nado. A romper suas defesas. A criar um lar. Ficar.
Se você for pegar Romance com o Duque para ler esteja preparada para dar muitas risadas e cair de amores pelos personagens. A leitura é rápida e passa em um piscar de olhos, deixando um sorriso nos lábios e um gostinho de quero mais. Não duvide.

Título original: Romancing the Duke
Autora: Tessa Dare
Editora: Gutenberg
Gênero: Romance Histórico; Romance
Nota: 4,5


GOSTOU DO LIVRO E QUER AJUDAR A MANTER O BLOG? ENTÃO COMPRE PELOS NOSSOS LINKS!


Skoob  |  Amazon  |  SubmarinoAmericanas

Share this:

, , , ,

COMENTÁRIOS

22 comentários:

  1. Oie, tudo bem?
    Várias pessoas já me indicaram este livro, mas ainda não tive a oportunidade de ler! Quem sabe em breve...
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Felipe, a história é ótima! Leia o quanto antes!

      Att.,
      Eduarda Henker

      Excluir
  2. Oie
    Eu adoro romances de época, mas ainda não li nada desta autora. Estou bem curiosa e este livro parece ser muito bom.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nessa, menina leia esse livro! O humor dele é maravilhoso!

      Att.,
      Eduarda Henker

      Excluir
  3. Oi, Eduarda. Já li essa trilogia e adoro ela! Falando sério, a Tessa Dare foi bem mais feliz com essa série que com a outra, mas esse negócio das cenas eróticas no livro é bem característico da escrita dela, tem alguns livros que ás vezes ela pesa a mão mesmo. Amei esta história por causa da Izzy, que foi uma personagem super divertida. Espero que goste dos outros.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Miriã,
      eu acabei o segundo livro faz pouco, mas não curti tanto quanto esse primeiro. A Izzy foi maravilhosa mesmo, me apaixonei por ela!

      Att.,
      Eduarda Henker

      Excluir
  4. Oi, Eduarda!
    Eu pretendo ler essa trilogia ainda esse ano. Que bom que você curtiu a leitura. Eu sou suspeita pra falar porque amo romances de época.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu,
      menina eu to adorando essa trilogia! Tessa Dare acertou em cheio com esse livro, tu vai amar!

      Att.,
      Eduarda Henker

      Excluir
  5. Esse foi um dos primeiros romances de época que li
    Achei mt bom! A leitura não é massante, achei uma delícia a história

    Bjoooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda,
      exato esse livro é uma delicinha!

      Att.,
      Eduarda Henker

      Excluir
  6. Great post! I follow you, follow me back. plz.<3
    http://jelenaaak.blogspot.rs/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Duda! Fiquei com muita vontade de ler o livro. Estou procurando algo nesse estilo, ultimamente, e adorei saber que além do romance, tem tudo isso do pai dela. :)

    Beijo!
    www.controversos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol,
      também amei como a história tem mais nuances que vão além do romance. Espero que tu curta a leitura!

      Att.,
      Eduarda Henker

      Excluir
  8. Olá, Eduarda.
    Eu nunca li nada da autora, mas tenho os três livros dessa série aqui na estante. Assim que der vou ler porque fiquei bastante curiosa com a escrita dela e de você ter falado sobre a falta do machismo comum nos livros do gênero e que também fico tentando relevar porque era outra época hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Sil,
      menina os livros são ótimos (acabei o segundo faz pouco tempo), o humor do livro é primoroso e eu fiquei realmente muito contente sobre como ela consegui evitar o machismo e situações do gênero. Tem num ou outro detalhe, mas de novo, é aquela coisa de "romance de época". Acho que tu vai adorar!

      Att.,
      Eduarda Henker

      Excluir
  9. Oi Eduarda, o terceiro dessa série ainda é meu preferido, mas dei boas risadas mesmo com este hehehehe eu adorei, leve e gostosinho de ler rsrsrs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante<a

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mi,
      aah esse é o próximo que vou ler, agora fiquei ansiosa!!!

      Att.,
      Eduarda Henker

      Excluir
  10. Oi Eduarda,
    Adorei a resenha! Gosto dos romances históricos e sempre leio nas resenhas que os Tessa tem esse tom divertido, e já me cativa. Adorei a forma como ela desenvolve os personagens e espero conseguir ler algo dela esse ano. Mas, como assim a Judith te decepcionou? Sempre leio supeeeeer elogios.

    bjs
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nana,
      menina eu to apaixonada pelos livros da Tessa depois de ter lido esse, o humor é maravilhoso. Sobre a Judith, não é que eu não goste dos livros dela - na verdade eu amava -, mas acho que li uns três ou quatro e desses, ao menos dois (que eu tenha certeza), tem cenas de estupro com o casal principal. Em uma eu acho que até é consensual, mas ele é bruto. Mas na outra é estupro reaaaal (a mina tava bêbada e disse 'não'). Porque nos livros dela ela tem esse lance do mocinho achar que a mocinha não é mais virgem e então, ops, fica tudo ok ser mais 'agressivo' (ou não ser delicado) na cama. Enfim...

      Att.,
      Eduarda Henker

      Excluir
  11. Adorei! Já li algumas resenhas positivas a esse livro e algumas amigas também leram e adoraram, estou louca pra ler também, só tenho que agilizar a minha fila de livros que esta um pouco atrasada.rs.
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi July,
      menina leia o livro assim que tu conseguir, porque ele é maravilhoso!

      Att.,
      Eduarda Henker

      Excluir
  12. Oii Eduarda, apesar de ser um gênero do qual não estou acostumada, eu leria só pelo fato da história ser engraçada, amor me divertir e rir lendo um livro hahahaha
    -Beijos, Carol!
    http://entrehistoriasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!