Resenha: Era Uma Vez No Outono - Queria Estar Lendo

Resenha: Era Uma Vez No Outono

Resenha: Era Uma Vez No Outono

Era Uma Vez No Outono é o segundo livro publicado pela Editora Arqueiro da série As Quatro Estações do Amor da autora Lisa Kleypas. Esse volume acompanha as aventuras da jovem Lillian Bowman em busca de um marido aristocrata junto de suas amigas solteiras e sua irmã mais nova. 
Sinopse: A jovem e obstinada Lillian Bowman sai dos Estados Unidos em busca de um marido da aristocracia londrina. Contudo nenhum homem parece capaz de fazê-la perder a cabeça. Exceto, talvez, Marcus Marsden, o arrogante lorde Westcliff, que ela despreza mais do que a qualquer outra pessoa. Marcus é o típico britânico reservado e controlado. Mas algo na audaciosa Lillian faz com que ele saia de si. Os dois simplesmente não conseguem parar de brigar. Então, numa tarde de outono, um encontro inesperado faz Lillian perceber que, sob a fachada de austeridade, há o homem apaixonado com que sempre sonhou. Mas será que um conde vai desafiar as convenções sociais a ponto de propor casamento a uma moça tão inapropriada? 
Lillian é filha de um rico empresário americano e junto de sua irmã Daisy sempre estão à procura de novas aventuras, ou se metem nelas mesmo sem querer. Apesar de ter um dote milionário sua natureza forte e a falta de traquejo social afasta qualquer pretendente. Ela precisa arrumar um marido nobre e aristocrata logo, e junto de suas amigas autointituladas “Flores Secas” vão aprontar muito em busca de seu objetivo.
“A extraordinária insolência de Lilian a tornava diferente de todas as mulheres que Marcus já conhecera. Isso e o rounders que elas tinham jogado em roupas íntimas o convenceram de que Lilian Bowman era um demônio. 
Assim elas embarcam em uma viagem de campo em Stony Cross, propriedade do conde de Westcliff  - que já tivera muitas discussões com Lillian tempos atrás – Em busca de pretendentes adequados para um casamento.

Marcus Marsden, conde de Westicliff é o típico lorde inglês. Controlado e reservado ele leva suas responsabilidades ao extremo. É honrado e acostumado a comandar suas propriedades, gosta de controlar tudo à sua volta. Então ele tenta ao máximo não ter contato com a jovem insolente que o tira tão facilmente do sério. Só que o problema é que ele libera o lado mais mordaz dela e é cada vez mais difícil ficar longe. 
A vida de Marcus havia sido moldada por rígidas expectativas e obrigações- e a última coisa de que ele precisa era distração. Ainda mais na forma de uma garota rebelde. 
Era Uma Vez no Outono dá continuidade à série As Quatro Estações do Amor e nos apresenta uma escrita mais divertida que o primeiro livro. Aqui somos transportados novamente para a casa de Westcliff e podemos matar a saudade das Flores Secas.

Resenha: Era Uma Vez No Outono

A autora consegue desenvolver muito bem os personagens através de suas personalidades marcantes. Marcus é autoritário mas respeitoso, leal, honrado e correto em suas ações. Já Lillian é totalmente o oposto da sua imagem contida. É atrevida, não tem o traquejo social imposto pela sociedade inglesa, impulsiva e rebelde. E é assim que somos apresentados à uma mulher capaz de quebrar os tabus da época em busca de seus desejos. O ambiente e os personagens secundários também recebem o devido destaque e se mostram importantes para o desenrolar da história. 
Sendo uma garota que sempre fora propensa a atirar ovos na cara de figuras de autoridade, Lillian achava Westcliff uma tentação terrível. Poucos momentos tinham sido melhores do que aqueles em que conseguira irritá-lo além do que ele podia suportar. 
Uma das coisas que mais gostei foi a personalidade de Lillian e suas ações.  Eu amei que ela é rebelde para a época. O que mais me incomoda nesse gênero quando algum autor descreve a protagonista como “forte e rebelde” é colocar birras e atitudes infantis como se fossem ações de uma mulher que se posiciona. Ela é movida pela teimosia muitas vezes, mas nada de grave, e o melhor é que reconhece que algumas de suas ações são erradas e admite. Também não se deixa dominar por seus sentimentos ou abaixa a cabeça para homem nenhum. É maravilhoso ter uma mulher assim que não peca no seu desenvolvimento, principalmente no romance. 


Resenha: Era Uma Vez No Outono
Creio que foi um caso de ódio à primeira vista – respondeu ela. – Acho que Westcliff é um grosseirão intolerante e me considera uma pirralha mal-educada. Ela deu de ombros. – Talvez nós dois estejamos certos. 
Novamente a autora aborda a diferença de classes e aqui quem fica divido com isso é Lorde Westcliff, afinal ele deve escolher uma dama inglesa de uma família nobre para se casar. Ele tem suas dúvidas, afinal é o que se espera dele, pois foi criado para isso. E ele descobre que realmente não se importa se Lillian é inglesa ou nobre. Apesar de contido ele se revela um homem bom e carinhoso.
“Medo de você? – disse Lillian sem pensar. – Meu Deus, eu nunca teria.Westcliff inclinou a cabeça dela para trás e a encarou, e um sorriso se espalhou lentamente pelo seu rosto.Não, não teria – concordou. – Você seria capaz de cuspir no olho do demônio, se quisesse.”
O romance se desenrola de maneira sutil, surgindo de um sentimento de desavença entre o casal que percebe a atração por trás disso. E eu adorei que Marcus se rende à Lillian. A maneira como ele percebe que toda vivacidade dela é o que lhe faltava na vida certinha demais, ou o quanto ele adora isso nela foi um dos pontos fortes da história. Também há algumas cenas quentes, e admito que esse livro é mais hot que o primeiro, mas aqui também surgem a partir da metade do livro.
"- E por que acha que eu ficaria melhor com você? 
Ele segurou os pulsos de Lillian e lhe torceu os braços nas costas, dando um gemido de surpresa quando ela pisou com força em seu dedo do pé. 
- Porque você precisa de mim - respondeu, prendendo a respiração quando ela se contorceu contra ele. - Como eu preciso de você. - Ele pressionou sua boca contra a de Lillian. - Eu preciso de você há anos."
Era Uma Vez no Outono é uma leitura divertida, leve e encantadora. A edição apresentada pela Arqueiro é linda e as capas condizem com os títulos, Além das folhas de rosto que trazem imagens maravilhosas que transportam o leitor para a estação do título. A autora deixou uma ponta solta e um epílogo que me deixou louca pelo próximo volume. Tenho certeza que se você ler vai dar muitas risadas e suspirar por esse romance.

Título original: It Happened One Autumn
Autora: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance de Época | Romance
Nota: 5
Skoob


GOSTOU DO LIVRO E QUER AJUDAR A MANTER O BLOG? ENTÃO COMPRE PELOS NOSSOS LINKS!

Share this:

, , , , ,

COMENTÁRIOS

8 comentários:

  1. Oi, Aline.

    Essas personalidades atípicas da Lilian e do Marcus, contribuiu para que a faísca entre eles fosse acendida, e toda a aversão que eles tinham desde criança... Que não passava de uma coisa boba, pois acredito que sempre existiu carinho um pelo outro, embora eles quisessem dizer o contrário... E isso pôde ser provado ao longo de todo o livro.

    ResponderExcluir
  2. Olá Aline!!
    Eu li o primeiro volume esses dias e fiquei apaixonada pela escrita d autora e encantada com a história, qro mto ler os outros volumes tbm.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Oiii Aline

    Eu ainda não tive a oportunidade de ler nada da Lisa e com tantas boas criticas acho que vale a pena conferir essa série. Tenho o primeiro em ebook, vou tentar ler ele ainda esse semestre, espero conseguir esse tempinho extra

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Aline,
    Minha mãe tem toda essa série aqui em casa e adora a Lisa.
    Meu primeiro contato com a autora foi com a série Hathaway e não gostei muito, mas vou ter que dar uma chance a essa, porque são muitos elogios, rs.
    Espero que eu goste mais, rs.
    Beijos
    https://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá, Aline.
    Esse foi o terceiro livro que eu li da série já que comecei pelo terceiro e depois que fui para o primeiro e para esse. E eu amei esse livro. Foi meu favorito da série por causa do casal protagonista. A Lilian é a melhor das amigas.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Olá Aline, tudo bem??

    Adorei a sua resenha e a forma empolgada com o que escreveu sério... amei de coração... eu tenho muita vontade de ler esta série, mas ando com uns problemas ai e comprar livros para inicio de série, está meio complicado porque a lista é imensa, então quando preciso, dou prioridade para as minhas temáticas preferidas, mas esta série está na minha listinha, para quem sabe na bienal deste ano. A descrição da mocinha me chamou atenção e eu concordo plenamente com você e sua opinião. Xero!

    https://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Aline!
    Eu ainda vou ler essa série da Lisa, mas o lance que você comentou sobre as classes sociais me lembrou da série dos Hathaways: todos os Hathaways não se casam com pessoas de classe alta.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  8. Eu escolhi essa resenha sua pra ler hoje pelo título do livro. Outono é minha estação favorita. Eu li pouquíssimos romances de época até hoje, mas quero ler sempre mais. Acho que esse seria uma boa pedida. É possível ler ele sem ter lido o primeiro ou eles são continuação?

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!