Resenha: Uma dama fora dos padrões - Queria Estar Lendo

Resenha: Uma dama fora dos padrões

Resenha: Uma dama fora dos padrões

Uma Dama fora dos Padrões é o primeiro livro da nova série da Julia Quinn, que nos apresenta a família Rokesbys; vizinhos e também amigos íntimos dos Bridgertons. A história gira em torno de Billie, Sybilla Bridgerton, e George Rokesby.
Sinopse: Às vezes você encontra o amor nos lugares mais inesperados... Esta não é uma dessas vezes. Todos esperam que Billie Bridgerton se case com um dos irmãos Rokesbys. As duas famílias são vizinhas há séculos e, quando criança, a levada Billie adorava brincar com Edward e Andrew. Qualquer um deles seria um marido perfeito... algum dia. Às vezes você se apaixona exatamente pela pessoa que acha que deveria... Ou não. Há apenas um irmão Rokesby que Billie simplesmente não suporta: George. Ele até pode ser o mais velho e herdeiro do condado, mas é arrogante e irritante. Billie tem certeza de que ele também não gosta nem um pouco dela, o que é perfeitamente conveniente. Mas às vezes o destino tem um senso de humor perverso... Porque quando Billie e George são obrigados a ficar juntos num lugar inusitado, um novo tipo de faísca começa a surgir. E no momento em que esses adversários da vida inteira finalmente se beijam, descobrem que a pessoa que detestam talvez seja a mesma sem a qual não conseguem viver.
A história de passa na Inglaterra, mais precisamente em Kent e parte em Londres, durante o ano de 1779. Nela, somos apresentados à Billie Bridgerton, o tipo de mulher que definitivamente não segue os padrões e não liga para isso. Ela é a mais velha dos irmãos e, apesar do contragosto da mãe, vive de calças e cuidando da propriedade da família. De uma inteligência e uma cabeça-dura sem igual. Adora um bom livro de Agricultura, claro, para desespero da mãe. No auge dos seus 23 anos, a família e amigos já desistiram de importuná-la com isso, apesar de acharem que ela está na hora de arrumar um marido. 
- Nós, mulheres, faríamos um trabalho muito melhor se pudéssemos governar.
Billie não acredita que arrumar o marido vai ser um problema, já que a sua amizade e da família com os Rokesbys a leva a crer que irá se casar algum dia com Edward ou Andrew. Ambos foram embora de Kent para lutar pelo país. Edward pouco manda notícias, para preocupação de todos e Andrew está de volta a Kent graças a um braço quebrado no navio.

O outro personagem principal dessa história é George, o filho mais velho dos Rokesbys. Como herdeiro e futuro responsável pela propriedade, ele nunca pode se alistar para o exército. Dono de uma presunção e um cavalherismo sem limites, ele e Billie vivem se alfinetando sempre que se encontram.


Resenha: Uma dama fora dos padrões

Porém, um acidente acaba aproximando os dois de forma indesejada e mudando a relação entre eles. Billie resolve salvar um gato preso numa árvore, cai no telhado, machucando o tornozelo e se vê obrigada a pedir ajuda de George. 
Mas é claro que era ele. Porque quem mais passaria ali no pior momento, no mais estranho e embaraçoso, na única maldita hora em ela precisava ser resgatada?
Billie nunca viu George como um amigo nem nada parecido com isso. Da família Rokesby, ele era o único com quem ela não tinha uma relação amigável. Mary, a única mulher entre as filhas, era sua melhor amiga desde o berço, literalmente, apesar de serem muito diferentes. Porém, Mary se casou e não mora mais em Kent, elas trocam cartas regularmente, mas não é a mesma coisa.

Edward foi embora com o exército e Billie também sente muita falta dele; junto com o irmão, Andrew, os três viviam brincando e passaram toda a infância juntos. Andrew é o mais brincalhão dos irmãos e importuna Billie como um irmão mais novo faria. É adorável e divertido ver a relação entre os dois. Andrew é o dono das melhores frases e cenas e de parte do meu coração.
Eles ouviam Mary vez ou outra. Ouviam mesmo. E provavelmente era o único motivo pelo qual todos os quatro tinham atingido a idade adulta sem sequelas.
 - Está lendo uma eciclopédia sobre agricultura e reclamando que é muito árida?
Já o lado da família Bridgerton, somos apresentados a mãe de Billie, uma perfeita dama da sociedade. Ela e Billie tem uma relação de respeito e poucos conflitos, ela tolera que Billie use calças, exceto em eventos sociais nos quais Billie tem que usar vestidos, e entende o gênio da filha. Também conhecemos a irmã mais nova de Billie, Georgiana, com 14 anos já tem tudo para ser uma excelente dama e em alguns anos com certeza terá sua mão disputada por vários homens. 


Resenha: Uma dama fora dos padrões

A relação de gato e rato de Billie e George é maravilhosa, fica com aquele sentimento maravilhoso de "pelo amor de Deus, quando vocês vão entender que são perfeitos juntos e se acertarem?". Foi muito bem construída! A cumplicidade que os dois constroem é linda. Você quer socar os dois por serem tão orgulhosos, mas no segundo seguinte querer guardá-los num potinho pra que nada destrua tanta fofura.
- Sabem o quanto eu trabalhei para isso? Juro que pensei que teria que bater em você com uma vara.
Esse livro encheu meu coração de amor de um jeito que não estou cabendo em mim. Me admira muito eu conseguir escrever essa resenha até aqui sem surtar nem um pouco, porque eu não estou conseguindo lidar, de verdade. Ao mesmo tempo que quero guardar o livro numa redoma pra ter essa história só pra mim, eu quero que todo mundo leia e divida comigo esse sentimento, porque não está cabendo!!!!

Devo dizer que minhas partes favoritas do livro estão marcadas com post it e me segurei muito, porque, na real, eu queria colar post it no livro todo e foi muito difícil escolher só algumas para colocar na resenha, esse livro merece um post só com as melhores frases. 
- Pare. - Billie fez uma careta para ele antes de voltar para George - Precisamos de você para resolver uma questão.
- Se for para decidir quem consegue escalar uma árvore mais rápido, é você, Billie - afirmou George sem pestanejar. - Se for para saber quem atira com mais precisão, é Andrew.
- Nenhuma das duas coisas - disse Billie, franzindo ligeiramente o cenho. - Tem a ver com croquet.
- Então que Deus nos ajude - murmurou George, levantando-se e seguindo para a porta.
Julia Quinn faz com que você se apaixone por cada um dos personagens, cuidado. A escrita é bem leve, divertida e flui de uma forma rápida. Me segurei muito durante a leitura pra não ler tudo de uma vez. Queria devorar a história e saber o que acontecia, mas ao mesmo tempo queria me deliciar com a leitura.

Esse sentimento de devorar o livro ainda junta com a diagramação brilhante, com capítulos um em seguida do outro, diferente do formato comum que mantém o início do capítulo no topo da página o que me impedia de parar de ler já que quando eu via, já tinha começado outro capítulo. 


Resenha: Uma dama fora dos padrões

A autora consegue tornar uma partida de croquet num cenário de guerra e a construção de um castelo de cartas em uma tarefa fascinante de assistir. Esse é um livro com alfinetadas pra todo lado, cenas divertidas, uma cumplicidade e amizade linda de Billie com os irmãos Rokesby e lógico, um romance daqueles que queremos pra nossa vida.

Foi o primeiro livro da Julia Quinn que li e ela já está no meu coração. Nesse momento me odeio um pouco por não ter lido nenhum livro dela antes. Se você nunca leu, não se arrependa como eu LARGA TUDO E VAI LER JULIA QUINN. Arqueiro, por favor, publica os próximos logo, quero mais!!!

Título original: Because of Miss Bridgerton
Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance de época
Nota: 5+
Skoob

GOSTOU DO LIVRO E QUER AJUDAR A MANTER O BLOG? ENTÃO COMPRE PELOS NOSSOS LINKS!

Amazon

Share this:

, , , ,

COMENTÁRIOS

17 comentários:

  1. OI, Raquel
    Amo as histórias da Julia e essa capa está incrível, me apaixonei por ela. Li só uma amostra do livro no Kindle mas já vi que vou rir horrores com esses dois personagens. Vou tentar ler o quanto antes.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii!
      Os dois são um casal divertido e apaixonante! Sim, a capa é maravilhosa! Quero os próximos logo!
      Beijos

      Excluir
  2. Oi, Raquel!
    Menina, terminei de ler esse livro semana passada e amanhã saí resenha dele.
    Eu adorei a história! Gostei porque a relação foi crescendo gradualmente e não teve aquele típico drama de casal em certo momento da história. Já estou louca pelos outros livros.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii!
      Vou já ver a sua resenha pra saber o que achou! Prefiro bem mais quando a relação cresce, não boto muita fé em amores a primeira vista.
      Quero os outros urgente! Pode lançar um por mês, nem ligo hahaha
      Beijos

      Excluir
  3. Oie!
    Só li os dois primeiros volumes dos livros dos Bridgertons, me considero meio lerda ainda nesse mundo dos romances de época, é muita informação e nome pra assimilar haha
    Adorei a sua resenha e sempre fico feliz quando fãs de séries se empolgam com novos volumes. É tão gostoso!!
    Beijos,
    https://ofantasmaliterario.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii!
      Nunca tinha lido Julia Quinn, tô com vários na lista pra ler, mas tava adiando. Adoro romances de época, mas tem que respirar fundo as vezes e entender certas coisas. Se você é muito feminista, como é meu caso, dá vontade de socar uns personagens, mas tem que entender, relevar e ter paciência.
      Beijos!

      Excluir
  4. OOi!
    Eu me apaixonei na capa desse livro, achei a coisa mais linda e aí já fiquei doida para ler. Fico feliz em saber que a obra é tão boa assim. Realmente a escrita da Julia é muito fluida, nunca dá vontade de largar o livro para fazer nada rs. Os Delírios Literários de Lex

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii!
      A capa é linda mesmo. Fiquei muito feliz em saber que os livros da Julia são assim. Vou tirar todos do limbo pra ler haha
      Beijos

      Excluir
  5. Oi Raquel!
    Eu só li "O duque e eu" da autora, mas gostei muito e pretendo ler tds os outros livros dela, só me falta tempo pq são muitos! rsrs
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii!
      Sim, por isso eu sempre adiei ler, medo de começar e não querer largar nunca mais, que foi o que aconteceu, no caso. Mas como essa é uma série nova, não tinha desculpa, ai foi e você viu no que deu né?
      Beijos!

      Excluir
  6. Oieeee!
    Faz mais de um ano que não leio nada da Júlia!
    Preciso voltar porque se não me atraso demais, essa mulher tem muitos livros publicados. Apesar que nada irá superar meu amor por Colin Bridgerton! Rs
    Beijos
    estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii!
      Como você conseguiu? Tô a duas semanas e tô na abstinência já!
      Olha, leia esse, acho que se não superar, se iguala haha
      Beijos!

      Excluir
  7. Oi Raquel! Que resenha gostosa de ler! Com certeza Julia Quinn é mestre em fazer os leitores se apaixonarem pelos personagens e ficarem com esse sentimento depois da leitura. Adorei que tu disse que quis colar post it no livro todo.. já vou preparar os meus quando começar a leitura, hahaha!
    E tô vendo que esse vai ser um livro que vai me causar aquele sentimento confuso de querer e não querer terminar a leitura!
    Beijos
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii!
      Separe muitos post its! Eu precisei hahaha Tô muito apaixonada, como essa mulher faz isso?
      Ele causa mesmo, é uma tortura esse sentimento!
      Beijos

      Excluir
  8. Sou fã de romances històricos e conhecer a escrita de Julia Quinn foi algo que eu precisava. Amo muito. Esse livro tem uma història maravilhosa que vale a pena ler, no meu caso reler também vale a pena.

    ResponderExcluir
  9. Amo este tipo de leitura,me interessei e vou providenciar este livro

    ResponderExcluir
  10. Roseli Santos
    Amo este tipo de leitura, me interessei, vou adquirir não só este mas mais algum dos livros de Julia Quinn

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!