5 motivos para ler: A Melodia Feroz - Queria Estar Lendo

5 motivos para ler: A Melodia Feroz


A duologia criada por V. E. Schwab se tornou uma das minhas favoritas da vida. Com um narrativa sombria e impactante, Schwab criou um mundo onde os monstros nascem da violência. E o post de hoje tem 5 motivos pra te convencer a dar uma chance para A Melodia Feroz.

1) O mundo.
Como eu disse na apresentação do post, Schwab me fascinou no instante em que desenvolveu a história das cidades, principalmente de Veracidade. Um lugar dividido por uma guerra medonha, cujos monstros nasceram da violência de cada pessoa. Para cada grau de violência, um tipo de monstro. Quanto mais aterrorizante o crime cometido, maiores as chances de uma criatura poderosa nascer dele.

Schwab divide seus monstros em três: os corsais surgem de atos violentos não letais; são instáveis como a violência que os criou. Os malchai são sombras do homicídio. Tão monstros quanto humanos, são seres pensantes e astutos e com uma sede de sangue insaciável. Por fim, os sunais, que nascem de massacres e crimes ainda mais hediondos. São instáveis em toda sua natureza, sutis e delicados tanto quanto são mortíferos.

Com uma construção de mundo dessas, pode esperar uma narrativa fascinante.


2) Narrativa.

Por falar nela, Schwab tem uma maneira poética e aterrorizante de contar a história. É o tipo de leitura rápida, que você termina sem perceber, que prende desde o início até o fim. Equilibra ação e tensão na medida certa, desenvolve seus dois protagonistas com cuidado, dando espaço e tempo para que eles mudem, cresçam, descubram.

Com a guerra entre monstros e humanos como pano de fundo, a autora usa dois pontos de vista diferentes, de realidades completamente distintas - um monstro e uma humana - para estabelecer a história. A partir de August e Kate, ela nos mostra o mundo e seus terrores, mas também usa espaços da narrativa para estender esperança.

3) Personagens.

Kate e August são a chave da história, mas não existem sozinhos. Ambos os livros são carregados por presenças marcantes, figuras de autoridade ou de igualdade; amigos e familiares dos protagonistas, bússolas morais ou os pesadelos de cada um deles. Os coadjuvantes existem para ajudar os principais, mas têm histórias individuais entre si.

E os protagonistas, ah! Eu amo tanto esses dois. Kate é um furacão, August é a calmaria depois da tempestade. Uma humana e um monstro. A filha de um monstro e a cria de um ato violento. Dois lados de uma mesma moeda que, quando se encontram, dividem muita compreensão e apoio, revolta e ideias opostas. Eles são um ship, sim, mas o romance fica de lado quando o foco é no crescimento dos dois (ou até mesmo decrescimento, já que a história leva ambos para caminhos muito mais sombrios do que o esperado).


4) A esperança.

Quando histórias lidam com guerra, a incerteza é um dos pontos principais. Sempre que coloca os personagens em situações de risco, cenas carregadas de tensão e desespero, de adrenalina, ficar sem saber o caminho que eles vão tomar, o que vai acontecer com eles, é uma das coisas mais presentes na narrativa.

Kate e August estão lidando com tudo e mais um pouco. São jovens condenados a um mundo de escuridão, de medo e de morte, marcados pela violência de maneiras diferentes, conectados por esse ínfimo fio de esperança. E esperança é a coisa mais importante quando se está lidando com uma guerra; se eles não a cultivarem, para que continuar lutando?


5) Questionamentos.

O que faz um monstro? A violência? A ideia dela? Por que a violência modifica tanto as pessoas? O que as leva a buscar por isso? O que é esperança quando o mundo é tudo de ruim e de aterrorizante? Schwab usa esses livros para levantar tantos questionamentos e críticas fascinantes que eu tinha que parar a leitura para olhar para o nada e pensar muito a respeito das coisas pelas quais os personagens estavam passando.

August é um monstro, mas é um dos personagens mais humanos que já li. Kate era humana, mas carregava tanta escuridão e ressentimento que a amargura dela era muito mais carregada que a do August. Os dois eram idênticos ao mesmo tempo em que eram tão diferentes. Dá pra terminar essa leitura com um grandessíssimo UAU estampado na sua cara.


E aí, curtiram os incentivos? Espero que ajudem a procurar pela duologia porque, sério: QUE HISTÓRIA MARAVILHOSA!

Share this:

, , , ,

COMENTÁRIOS

32 comentários:

  1. Nossa!
    Quantos questionamentos trazem essa leitura? Adorei!
    Só pelos questionamentos e a esperança eu já fiquei com vontade, mas os elementos e as personagens ... Ai , tem jeito de mexer no coração <3

    Beijocas da Pâm
    Blog Interrupted Dreamer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pâm!
      Essa duologia é maravilhosa pelo tanto de crítica que a autora conseguiu colocar na história. Amo demais!

      Beijos.

      Excluir
  2. Oi Denise,

    Eu gostei muito do primeiro livro e estou com o segundo aqui para ler, mas ando enrolando não se porque. Mas desse ano não passa rsrs.
    Bjs e um bom fim de semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jessica!
      AAAAAAA prepara seu coração pra esse segundo volume. É um impacto atrás do outro; foi um final magnífico.

      Beijos.

      Excluir
  3. Oie
    Ainda não li os livros, mas adorei os lontos que vc destacou. Parecem ser bons os livros.

    Beijinhos
    diariodeincentivoaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nessa!
      Espero que tu consiga ler em breve. Vale MUITO a pena, e é uma leitura rapidinha porque a narrativa te prende demais.

      Beijos!

      Excluir
  4. Com certeza, gostei dos motivos e sempre tive curiosidade desse livro. Amei que escreveu que a narrativa é fascinante já deu aquela vontade de ler.

    Bjs
    https://eternamente-princesa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Luiza!
      Fico muito feliz por saber que ajudou a aumentar a curiosidade! Espero que consiga ler em breve *o*

      Beijos.

      Excluir
  5. Oi De,
    Eu até queria ler, seus motivos são atrativos, mas tive um problema com outro livro da autora e fiquei mais receosa depois disso... Acho que vou arriscar comprar o ebook e se gostar, compro os físicos.
    beeeijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ale!
      Ahhh que pena D: mas tenta sim! O que eu mais gosto da Victoria é que as obras dela são muito diversificadas e quase não parece a mesma pessoa escrevendo elas; a qualidade continua, mas é de uma criatividade absurda que te transporta pra outro universo facilmente. Quem sabe esse funcione melhor pra ti.

      Beijos!

      Excluir
  6. Olá, Denise.
    A Melodia Feroz foi o primeiro livro que li esse ano. E gostei tanto que o ano está terminando e estou sem coragem de ler O Dueto Sombrio porque vi muitas resenhas negativas dele. O August é um dos melhores personagens que já li.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sil!
      SÉRIO QUE TEM RESENHA NEGATIVA DO 2??? GENTE UM FINAL DAQUELES, QUE SACRILÉGIO. Eu tenho certeza que você vai curtir. É bem mais pesado que o primeiro, mais melancólico, mas é maravilhoso.

      Beijos!

      Excluir
  7. Oiee De, tudo bem?

    A Melodia Feroz, foi um dos melhores livros que li ano passado, amei o universo criado pela autora, em compensação, não curti muito O Dueto Sombrio, mas mesmo assim é uma ótima duologia. As fotos estão lindas!!

    Bjoss

    https://minhasescriturasdih.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Veronica! Tudo bom e contigo?
      Que pena tu não ter curtido tanto o 2 </3 eu gostei exatamente pelo decrescimento do tom, por ter ficado tão mais sombrio. Acho que combinou com o que o primeiro livro prometeu. Mas faz parte!

      Beijos.

      Excluir
  8. Oi, Denise!
    Sabe que toda vez que leio uma resenha desses livros, eu fico na dúvida de ler ou não? Não sei muito bem o motivo, mas eu quero que ele chame a minha atenção, mas nunca o faz hahahaha
    Ler os seus motivos me fizeram pensar um pouco mais... Quem sabe agora vai, né?
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mari!
      Ahhh espero que agora dê certo! Entendo isso de esperar aquele clique rolar pra surgir o interesse, tenho muito disso HUHSAUHUSAUHSA

      Beijos.

      Excluir
  9. Tudo que essa mulher escreve é maravilhoso! Aff quero ser ela quando crescer.
    Eu amo demais essa história porque é uma metáfora tão foda pra violência que todo mundo deveria ler.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu!
      TUDO QUE VICTORIA TOCA É OURO, ACHO UM ABSURDO INCLUSIVE AMO ASKJFNAUOGSABKJASBFOUABBGAO queria ter 1/3 da criatividade dela, na moral.
      Quando li o primeiro fiquei COMO NUNCA PENSEI NISSO??? Porque é tão genial.

      Beijos.

      Excluir
  10. Oi Denise! Tudo bem? Eu tenho o livro na minha estante e estava adiando a leitura, mas os motivos que trouxe no post me deixaram muito motivado à leitura, então vou tentar passar à frente das demais... especialmente a parte dos questionamentos que eu jamais imaginaria que existiriam na história.
    Beijos
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, flor! Tudo bom e com você?
      AKJFSNABBABGSAOGSABBGSAOUBAO PASSA SIIIIM. Os dois livros são bem impactantes e tu vai viver uma montanha-russa de emoções com eles. Vale a pena demaaais.

      Beijos!

      Excluir
  11. Oi Denise.
    Sempre ouço muitos elogios a respeito desses livros e os pontos que você destacou, fizeram que eu ficasse ainda mais curiosa.
    Bjus
    Doces Letras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lia!
      Tomara que te incentive a ler a duologia. Amo demais e sempre vou indicar <3

      Beijos.

      Excluir
  12. Oiii Denise

    Eu tenho a dualogia pendente pra ler e muita curiosidade, a escrita da Schwab é maravilhosa e a construcão dos universos em suas tramas é sempre original, imagino que nessa dualogia deve ser um arraso tb. Vou tentar conferir pelo menos o primeiro livro ainda nesse ano.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Alice!
      A Victoria tem um dom pra escrita que meu deus. Se tu já conhece, vai na fé mais ainda porque com certeza vai te agradar.

      Beijos.

      Excluir
  13. Oi De, tudo bem? Eu leria só pelo fato de ser dessa autora, eu amo Um tom mais escuro de magia! E o fato de ter bons questionamentos já me deixa bem intrigada! Espero poder conferir em breve!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mi! Tudo bom e contigo?
      Amo tudo que a Victoria toca, SIM. O que essa mulher faz com as histórias dela eu só consigo amar e venerar. A duologia é bem nessa vibe de É TÃO GENIAL QUE EU QUERO GRITAR KAJSNFOSAUGSAUOGASOB

      Beijos.

      Excluir
  14. Oi!
    Desde que esse livro foi lançado que estou de olho nele por causa das resenhas ótimas e também porque amei a escrita da Victoria. Agora só tenho mais certeza ainda que quero ler. Tomara que eu me apaixone que nem todo mundo!

    Beijo
    http://www.capitulotreze.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mi!
      AAAAAA vai fundo nessa leitura. É bem rapidinha e se tu já gosta dos trabalhos da Victoria, com certeza vai amar. Prepara o coração!

      Beijos.

      Excluir
  15. Adoro os questionamentos que as histórias trazem, e por ter isso já ganhou muitos pontos. Adorei saber que os personagens também são ótimos e os mundos foram bem construídos :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Monique!
      O que essa duologia fez com o meu coração e emocional é difícil de explicar, mas o impacto foi profundo!

      Beijos.

      Excluir
  16. Oie, tudo bem?
    Adorei essa lista! A série parece ótima.
    A sinopse do primeiro livro já tinha me chamado a atenção, mas sempre me enrolo pra começar. Depois desses argumentos, quero ler!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pri! Tudo bom e contigo?
      Vou indicar essa duologia até o fim dos tempos porque é muito genial e merece o MUNDO!

      Beijos.

      Excluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!