Resenha: Rebel Belle

  • 09:00
  • 11 de mar. de 2019
  • Resenha: Rebel Belle

    Rebel Belle é o primeiro livro da trilogia de mesmo nome, escrito por Rachel Hawkins (da série Hex Hall), que ainda não foi publicado no Brasil. Uma história sobre uma típica souther belle que se vê as voltas com profecias e paladinos após uma noite muito estranha no banheiro do colégio.

    Sinopse: Harper Price, uma southern belle incomparável, nasceu pronta para a tiara do baile de boas vindas. Mas depois que um encontro estranho a imbui com incríveis habilidades, o destino de Harper dá uma guinada para o seriamente estranho. Ela se torna uma Paladina, parte de uma antiga linhagem de guardiões com agilidade, super força e instintos de luta letais. E quando parece que sua vida não pode ficar mais desastrosamente maluca, Harper descobre quem ela está destinaa a proteger: David Stark, um repórter do colégio, objeto de uma misteriosa profecia e possivelmente a pessoa que Harper menos gosta. Mas as coisas se ficam complicadas quando Harper começa a se apaixonar por ele - e descobre que o destino de David pode muito bem ser destruir o mundo. Com brincadeiras mal-humoradas, vestidos de debutantes, ação incessante e um toque de mágia, essa nova série young adult da best-seller Rachel Hawkins vai fazer com que vocês implorem por mais.

    Harper é o exemplo de perfeição: líder escolar, bonita, inteligente, com um namorado atleta e prestes a se tornar a rainha do baile. Mas uma pequena visita ao banheiro antes da coroação se transforma em uma luta - literalmente - por sua vida. Depois de tentar ajudar o zelador, que ela vê ser golpeado por uma espada por seu professor de história, Harper começa a achar que está ficando louca ao perceber que não há qualquer sinal da luta quando retorna ao local após tentar pedir ajuda.

    Pouco depois, ela passa a ser perseguida por estranhas pessoas que estão interessadas em matá-la e não demora muito para que ela entenda que eles fazem parte do mesmo grupo que seu professor de história. Harper descobre que se transformou - sem querer - em uma Paladina, seguindo uma antiga profecia grega, e precisa literalmente proteger David Stark com a sua vida se necessário.

    O problema é que David é seu nêmesis e tão tanto quanto ela sobre o que quem está tentando matá-lo e porquê.

    Enquanto tentam entender o que está acontecendo, a proximidade forçada entre os dois acaba trazendo a tona alguns sentimentos, e em enquanto luta por sua vida, pela de David e de todas as garotas em sua turma de debutantes, Harper precisa aprender a lidar com o desconsertante sentimento crescente por seu protegido.


    Resenha: Rebel Belle
    Resenha: Rebel Belle

    Quando vi Rebel Belle pela primeira vez fiquei muito interessada porque passava uma ideia muito parecida com a de Buffy - A Caça-Vampiros, e de fato tem muito disso na história, em especial com Harper. Ela é a southern belle perfeita, uma dama, seguindo as tradições do sul, e nem de longe parece o tipo de garota que saberia usar uma espada. E esse contraste entre o que considera-se fútil com habilidades de luta letais sempre me mantém entretida.

    A primeira metade do livro foi muito legal, embora eu não tenha me conectado com o ship. Haper é uma personagem que aprendi a gostar cada vez mais conforme lia, mas David foi apenas meh e o romance deles não me convenceu verdadeiramente.

    As cenas de ação ficaram muito legais, a tensão constante e a mitologia que a Rachel Hawkins criou ficou interessante no desenvolvimento da história, a forma como as cenas se encaixam e vão conduzindo e desenvolvendo a história nos mantém presos as páginas, também.


    Resenha: Rebel Belle

    Meu maior problema foi com o final: ele ficou muito bem escrito e deixou um grande gancho para a continuação, Miss Mayhem, mas acredito que, na tentativa de deixá-lo mais fechado (como é a tendência com os primeiros livros em trilogias e séries) ela abusou do tom leve. Tudo parece muito bem e muito bom e muito feliz com Harper quando chegamos as últimas páginas, e isso parece extremamente irreal levando em consideração a resolução do clímax, que trouxe muito problemas que não podem ser escondidos do "mundo real" e que deveriam preocupar extremamente Harper, ainda mais tendo em vista que a organização que está atrás dela está disposta a matar.

    Dessa forma o final ficou parecendo um tanto quanto fora de sintonia, como se não percebesse a seriedade que deveria dar a resolução dos problemas criados pelo clímax. Harper age como se fosse apenas outro dia qualquer, quando na verdade deveria estar se preparando para lidar com as consequências de forma que ninguém mais se machucasse. Enfim, se não fosse o final, eu poderia ter dado uma nota maior.

    No mais, embora não tenha sido publicado por aqui ainda, é uma história que rende uma boa leitura, especialmente para quem, como eu, é fã de Buffy e curte uma leitura em inglês;

    Título original: Rebel Belle, vol. 1
    Autora: Rachel Hawkins
    Editora: GP Putnan's Sons Books for Young Adults
    Gênero: Fantasia Urbana - YA
    Nota: 3

    GOSTOU DA NOSSA RESENHA? ENTÃO COMPRE ATRAVÉS DOS NOSSOS LINKS E AJUDE A MANTER O BLOG!

    1. Oiii Bianca

      Eu tenho a trilogia por aqui e estava com o pé atrás, li algumas criticas no Goodreads que me desanimaram, principalmente com esse final leve demais para o tom d ahistória adotado na leitura. Mesmo assim a história parece mesmo ser tão bacana, vale a pena conferir. Pena que o romance foi meh, espero que melhore no próximo livro.

      Beijos

      www.derepentenoultimolivro.com

      ResponderExcluir
    2. Oi Bibs!
      A premissa me pareceu promissor mas fiquei com um pe atraa sofre esse final. Acho que acharia estranho tambem tudo encerrar tao certinho aasim sendo que tem continuações.

      Abraços
      David
      http://territoriogeeknerd.blogspot.com/

      ResponderExcluir
    3. Oi Bibs!
      Não tinha visto esse livro ainda, até que curti a premissa!
      Pena que sua nota foi mais mediana, mas acho q daria uma chance se traduzissem por aqui!
      Bjs
      http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

      ResponderExcluir
    4. Este comentário foi removido pelo autor.

      ResponderExcluir
    5. Falou em fã de Buffy, estou dentro! :-D

      ResponderExcluir
    6. Oi Denise.
      Adorei a resenha. Ainda não conhecia essa obra, mas se tem romance e fantasia é comigo mesmo.

      Ps: Não sabia que Buffy era livro. Estou chocada.
      Beijos.
      Fantástica Ficção

      ResponderExcluir

    Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!

    Tecnologia do Blogger.