Resenha: Os Delírios de Consumo de Becky Bloom

  • 09:00
  • 7.5.19
  • Resenha: Os Delírios de Consumo de Becky Bloom

    Os Delírios de Consumo de Becky Bloom é o primeiro livro da série Becky Bloom, de Sophie Kinsella, publicado inicialmente no fim dos anos 90. Lançado no Brasil pela editora Record, o livro conta a história de Becky, uma jovem mulher extremamente consumista que está afundada em dívidas com o cartão de crédito. E ela vai inventar mil e uma formas diferentes para saldar essa dívida.


    Sinopse: Rebecca Bloom é uma jovem londrina com o péssimo hábito do consumismo compulsivo. Apesar de ser uma jornalista especializada em mercado financeiro, não consegue controlar as finanças pessoais. Endividada até a alma, vive fugindo do seu gerente de banco e procurando fórmulas mirabolantes para pagar a fatura do cartão de crédito. E ainda encontra tempo para se apaixonar. Um romance muito divertido que faz um retrato de muitas mulheres das grandes cidades.

    Quando começamos o livro, Becky está em uma enrascada com o cartão de crédito, trabalha em um emprego que odeia e não tem a mínima ideia de como vai sair dessa. Pelo menos até começar a inventar mil e uma formas diferentes, desde ganhar na loteria até aprender a "ser frugal", coisas que acabam levando-a ainda mais para o caminho do consumismo.

    Li Os Delírios de Consumo de Becky Bloom duas ou três vezes, já que ele foi a base de estudo para o meu TCC. E confesso que dá primeira vez que li, fiquei extremamente frustrada. Mas conforme o tempo foi passando, me peguei cada vez mais gostando da história.

    Resenha: Os Delírios de Consumo de Becky Bloom

    Becky é uma personagem que me irrita, mas ao mesmo tempo é cativante. Ela é completamente sem noção da realidade, e esse traço é bastante exagerado para trazer comédia para a história, claro. Mas também deixa brechas para as nossas interpretações sobre a relação da mulher moderna com dinheiro. Becky claramente consume para suprir suas necessidades emocionais, uma vez que odeia o emprego, não tem uma relação amorosa que a satisfaça e vê sua vida caminhando por um rumo completamente diferente do que ela tinha imaginado.

    Ao mesmo tempo, dou um grande salva para a Sophie Kinsella por ter escrito um livro onde o foco primário não é o romance. De fato, a principal luta de Becky é contra seus impulsos consumistas e, também, para dar um jeito na sua vida profissional e se tornar uma pessoa mais responsável e confiável.

    Resenha: Os Delírios de Consumo de Becky Bloom

    O livro também traz diversas situações cômicas. Algumas com as quais podemos nos identificar, e outras que são apenas muito distante da nossa realidade. Mas no geral, dosada de uma forma que não canse. Foi fácil ler o livro, apesar dele ser grandinho. As páginas passaram de forma rápida e não fiquei empacada na leitura.

    Meu maior problema é que ele não funciona como um livro único, já que não tem fim. Os Delírios de Consumo de Becky Bloom nos apresenta situações absurdas e as maneiras ainda mais absurdas que Becky encontra de contorná-las. E tudo isso cria uma expectativa para um grande clímax, onde a personagem precisa encarar as consequências de seus atos. Porém, esse clímax só chega com o segundo livro da série.

    Resenha: Os Delírios de Consumo de Becky Bloom

    Quando terminei o livro da primeira vez, me sentir extremamente frustrada. Tudo correu tão bem para Becky, as consequências nunca chegaram e parecia que tudo que ela tinha feito até ali, afinal, se justificava. Senti que eu tinha ganhado um começo e um meio, mas nada de um fim. E preciso dizer que, assim que comecei o livro 2 (que não cheguei a terminar) para mim, como leitora, ficou parecendo que eles deveriam ter sido fundidos em um único livro. Ao menos teria sido uma leitura mais satisfatória.

    No mais, Os Delírios de Consumo de Becky Bloom conseguiu me arrancar algumas risadas e algumas roladas de olho, mas ainda foi um chick-lit bastante raiz, focando nos problemas de Becky além da vida amorosa e mostrando que ela tem muito mais a entregar do que um romance. Acredito que fãs do gênero vão se dar bem com ele, especialmente as dispostas a darem continuidade a série.

    Título original: Confessions of a Shopaholic
    Autora: Sophie Kinsella
    Tradutora: Eliane Fraga
    Editora: Record
    Gênero: Chick-lit
    Nota: 3


    1. Oi Bibs, td bem?
      Eu não cheguei a ler o livro, mas vi o filme e adoro, é bem engraçado! Já li outro livro da Sophie Kinsella que tbm me divertiu demais! Então acabou que coloquei outros livros dela na minha listinha, mas talvez queira sim conferir a continuação da história da Becky Bloom, fiquei curiosa!
      Bjs
      http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

      ResponderExcluir
    2. Oiii Bibs

      Eu adoro os livros da Kinsella, mas os que são livros únicos sabe? Essa série da Becky Bloom, acabou se enrolando demais e pelo que vejo ans opiniões do Goodreads, não agrada todo mundo e vários acabam meio frustrados. Eu assisti ao filme, achei legalzinho e tals, mas te confesso que não fiquei nem um pouco curiosa pelos livros.

      Beijos, Ivy

      www.derepentenoultimolivro.com

      ResponderExcluir
    3. Oie!

      Eu sou apaixonada pela autora!! E amo demais essa personagem dela, acho muito engraçada, muito maluquinha, e me divirto demais com os livros.
      Eu não sei se foi por ler um livro atrás do outro dessa série, haha, mas eu acabei não sentindo a falta de um fim. Acho que foi por isso mesmo, porque como eu fui lendo na sequência, as histórias iam se completando, e pra mim funcionou bem.

      Bjao
      Início de Conversa

      ResponderExcluir
    4. Eu assisti o filme, mas parece que o livro é mil vezes melhor sobre o filme. Eu amo esse livros que aborda de uma maneira sultil um assunto tão delicado sobre o consumo e tudo mais.

      https://www.dosedeestrela.com.br/

      ResponderExcluir
    5. Oi, Bibs
      Eu nunca quis ler os livros da Becky justamente porque eu não gosto do estilo da Bekcy, gente que não tem noção sobre o que pode ou não pode comprar me irrita demais e eu fico que nem você, frustrada. Eu gosto de quando a autora traz elementos divertidos para a obra, mas forçar situações descabíveis já é demais pra mim.
      Beijo

      http://www.capitulotreze.com.br

      ResponderExcluir
    6. Oi, Bibs!
      Não li o livro e nem assisti o filme. Me perdoa hahahahhahah mas até que gostei dessa de não focar tanto no romance mas nos problemas da Becky.
      Beijos
      Balaio de Babados

      ResponderExcluir
    7. Adorei seu esse seu artigo, realmente é um dos melhores blog que estou visitando. Suas postagens são excelente! Parabéns!

      Já até salvei em meus favoritos..

      Meu Blog: Dezenas Das Loterias Estaduais

      ResponderExcluir
    8. Não sabia que existia livro \OoO/
      Eu adorei o filme, então acho que vou curtir o livro também (ou não né, vai saber). Vou procurar em alguma livraria =D

      Beijinhos <3

      ResponderExcluir
    9. Eu não sabia que era uma série. Esse livro já está na minha lista de leitura há um tempo e eu quero ler ainda esse ano. É um dos livros que tenho certeza que vou gostar muito.
      Ainda não vi o filme mas, quero ler o livro antes.
      Super amei essa resenha e as fotos desse post.
      Beijocas.

      http://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

      ResponderExcluir

    Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!

    Tecnologia do Blogger.