Resenha: Como se livrar de um escândalo

  • 09:00
  • 30 de mar. de 2020
  • Resenha: Como se livrar de um escândalo

    E vamos de aclamação novamente? O quinto e último volume da série Spindle Cove, que roubou meu coração de diferentes maneiras, é mais uma história para guardar no coração. Como se livrar de um escândalo também apresenta um crossover com a outra série da Tessa Dare - Castles Ever After - e fecha ambas as narrativas de maneira apaixonante.


    Sinopse: Na noite do baile na Mansão Parkhurst, houve um encontro escandaloso na biblioteca. Foi Lady Canby, com o empregado, no divã? Ou a senhorita Fairchild, com um amante, contra a parede? Talvez um criado tenha feito isso… Tudo o que Charlotte Highwood sabe é que não foi ela. Mas os rumores apontam o contrário. A menos que descubra a verdadeira identidade dos amantes, a jovem será forçada a se casar com o marquês Piers Brandon, Lorde Granville – o cavalheiro mais frio, arrogante e lindo que ela já teve a infelicidade de conhecer. Quando começam a investigação dos verdadeiros amantes envolvidos no escândalo, Piers revela esconder muitos segredos. Mas ainda assim ele guarda ferozmente a verdade sobre seu passado sombrio. Parecia ser um mistério simples de resolver, mas logo perigos perturbadores surgem na vida de Piers e Charlotte. A paixão é intensa. O perigo é real. Charlotte arriscará tudo para provar sua inocência nesse caso escandaloso ou irá se entregar a um homem que jurou nunca amar?

    Aqui, acompanhamos a irmã mais nova da família Highwood - Charlotte. Ela está sob pressão da mãe para se casar, da sociedade por julgamentos com um último escândalo envolvendo um acidente constrangedor e a ideia de que, para realizar seu sonho e sair em viagem pelo mundo com a melhor amiga, precisa se livrar do plano da mãe de casá-la com um marquês.

    Claro que o destino não parece querer facilitar sua vida e, numa noite de baile, Charlotte se vê em uma situação escandalosa junto ao dito marquês. Para salvar sua reputação, eles prometem noivar e se cortejar pelos quinze dias restantes - para salvar sua reputação, ela precisa dar um jeito de acabar com o noivado antes que se concretize.

    Resenha: Como se livrar de um escândalo

    Como se livrar de um escândalo tem tudo, como todos os outros livros da série Spindle Cove. Uma narrativa engraçada, romântica, dramática e até com um toque de mistério. O problema que colocou Charlotte na situação de noivado envolve um casal misterioso e uma situação carnal na biblioteca - a mesma biblioteca em que ela e o marquês estavam tendo uma conversa. Para se livrar do noivado, é só ela descobrir quem eram essas duas pessoas.


    A arma mais perigosa é a que atinge mais perto do coração.

    Do outro lado, no entanto, o marquês - Piers - também tem seu viés de espionagem. Bem mais oficial dessa vez, já que ele está trabalhando para a coroa britânica enquanto realiza investigações na mansão em que está hospedado. Tudo isso converge na situação noivado x quinze dias para se salvar. E como foi divertido acompanhar esses dois!

    Charlotte e Piers são opostos ao mesmo tempo em que têm muito em comum. Ela é toda desorganizada e atrapalhada enquanto ele é a definição de metódico e centrado. Os dois se entendem bem fácil, mas as provocações e discussões surgem com igual naturalidade. Tal como Colin e Minerva, formam um casal ótimo de se acompanhar.

    Assim como todas as suas mocinhas, Tessa Dare constrói em Charlotte uma personalidade rica e realista. Ela é sonhadora, ansiosa, forte e determinada. Quando se vê na situação constrangedora, depois de tanto tempo lidando com a mãe e com a sociedade em suas orelhas, Charlotte encara isso como um desafio; e o prêmio ao se livrar do noivado é a liberdade. Claro que, com Piers em seu caminho, as coisas complicam um pouco mais.


    Ninguém a avisou que seria assim. A sensação de amar deveria ser boa, certo? Não aterrorizante. Talvez isso não fosse amor, afinal, mas malária.

    Porque nele ela vê um companheiro educado, compreensivo e divertidamente complicado. Piers é tudo que um marquês deve ser, mas também tem espontaneidade e um espírito enérgico que combinam muito com a Charlotte - os dois nasceram um para o outro, e a narrativa faz da leitura uma montanha-russa enquanto eles entendem e teimam contra isso.

    Piers, aliás, roubou do Colin o primeiro lugar entre meus mocinhos favoritos da Tessa Dare. Ele é todo sensato, mas igualmente passional. Corajoso, mas frágil. Estoico, mas instável. Eu me apaixonei por cada momento entre ele e a Charlotte e queria gritar sobre o quanto eles são almas gêmeas e o quanto precisavam bater a cabeça na parede para aceitar isso.


    Como era possível que Charlotte Highwood conseguisse decifrá-lo, quando o resto do mundo era incapaz?

    O lance de "não posso amar" aqui tem muito a ver com teimosia. Ele não quer amar de jeito nenhum por causa dos traumas do passado e por ver no casamento uma conveniência de linhagem e herança; ela quer amar porque se não tiver amor, tem medo de acabar como a mãe - solitária e dando pitaco em tudo. E aí junte isso ao fato de eles estarem tentando se auto-sabotar para escapar do compromisso e pronto, tem uma trama gostosinha de seguir.

    Considerando o crossover, Spindle Cove e Castles Ever After têm um fechamento ótimo. Consegui rever todo mundo que eu amava e me despedir de casais e personagens individualmente. É uma história rápida e engraçadinha com uma história de amor nos moldes de Tessa Dare: impossível e inesquecível.


    Título original: Do you want to start a scandal
    Autora: Tessa Dare
    Editora: Gutenberg
    Tradução: A C Reis
    Gênero: Romance de época
    Nota: 5
    Skoob


    1. Esse livro briga com Uma Semana para Se Perder pelo posto de meu favorito da Tessa.
      Como te falei no ig, fiquei bem feliz do Piers ter seu final feliz; já havia me afeiçoado a ele desde que apareceu lá em Diga Sim ao Marquês.
      Charlotte maravilhosa! Aguenta as fofocas da sociedade de cabeça erguida e sem descer do salto.
      Beijos
      Balaio de Babados
      Participe do sorteio Rumo aos 4K no instagram

      ResponderExcluir
    2. Ahh Denise eu ri demais com esse livro, eu ainda prefiro o Colin, mas Piers é ótimo também, e tb gostei da trama de espionagem. Tessa é maravilhosa!

      Bjs, Mi

      O que tem na nossa estante

      ResponderExcluir
    3. Gostei bastante do artigo de hoje, sempre estou aqui acompanhando seu blog. Tenho aprendido muitas coisas legais aqui.

      Beijos 😘.

      Meu Blog: Dicas de Moda

      ResponderExcluir
    4. Oi, Denise
      Esse é um dos meus livros favoritos da autora! Eu amo demais a Charlotte e o Pears, são personagens extremamente cativantes. Saudades dessa série <3
      Beijo
      http://www.capitulotreze.com.br/

      ResponderExcluir
    5. Gostei bastante do artigo de hoje, sempre estou aqui acompanhando seu blog. Tenho aprendido muitas coisas legais aqui.

      Beijos 😘.

      Meu Blog: Melhor Conteúdo Online

      ResponderExcluir
    6. Olá, Denise.
      Eu fui na contramão e li esse livro antes de todos, foi meu primeiro contato com a autora. E mesmo depois de ter lido quase todos dela ainda considero ele o meu favorito.

      Prefácio

      ResponderExcluir

    Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!

    Tecnologia do Blogger.