Controle remoto: Yesterday

  • 09:00
  • 20 de jun. de 2020

  • Yesterday é uma comédia com drama e músicas perfeita para quem ama os Beatles e não conseguiria imaginar um mundo sem suas melodias, porque é exatamente o que acontece nessa história.

    Nesse filme dirigido por Danny Boyle, Jack (Himesh Patel) é um músico fracassado com suas poucas canções e sonhos não muito grandiosos para sua vida. Até que, durante um apagão que corre pelo mundo todo, Jack é atropelado e desperta para descobrir que os Beatles não existem mais. Suas músicas, suas influências, os quatro grandes nomes que fizeram história: eles nunca aconteceram. E, portanto, Jack é a única pessoa do mundo capaz de dar vida aos clássicos da banda.

    Sua carreira decola com o brilhantismo de Hey Jude, Let it Be, I want to hold your hand, Help e tantas outras canções icônicas, mas o peso de estar roubando todas elas e a sensação de que o mundo e as pessoas que ama vão cobrar por seu afastamento e estrelato começa a pesar na consciência de Jack - e tudo que você consegue pensar durante todo o filme é: onde isso vai parar?!


    Yesterday é engraçado, emocionante e nostálgico. Tem o clima de comédia romântica, tem os dramas de histórias de amor e perda, tem as trapalhadas de um protagonista sem jeito com a fama e com o estrelismo que só queria dar vida a algumas músicas e acabou no topo como os Beatles fizeram um dia.

    Jack é carismático e adorável e tem uma boa presença em cena. Toda a sua ascensão a astro do rock e gênio criador das melhores letras do universo mexe em muito com sua personalidade desacostumada a tanta atenção; diferente de outros clichês do gênero, ele não se deixa levar tanto pelo estrelato quanto o esperado. Ele vê o que está perdendo ao fugir do palco pequeno, das pessoas que está deixando para trás - e também vê nessa ascensão sua oportunidade de dar voz aos Beatles novamente.


    Sua companheira de cena é Ellie (Lily James) que representa o "sonhar alto" e então o que se perde quando alcança algo mais grandioso que o esperado. Ela é sua agente no começo da carreira, e então sua amiga e então uma conhecida, porque Jack está voando e ela está ficando para trás. É seu amor impossível.

    O filme brinca muito com a coisa de um mundo sem os Beatles e o quanto isso afetou tudo que conhecemos; o sumiço da Coca-cola, Oasis - Ed Sheeran sendo o responsável por ligar os holofotes sobre Jack. É tudo muito bem encaixadinho e engraçado e dá tom de humor ao horror que seria um universo sem a banda.

    É também bastante nostálgico e uma grandiosa homenagem aos Beatles, com uma cena que me pegou de surpresa e me deixou chorando por não esperar vê-la acontecer. O filme brinca com possibilidades e com esse universo paralelo até chegar num ponto de virada que surpreende e entrega um fim satisfatório e bonitinho.

    Yesterday é uma comédia romântica como qualquer outra, mas um ode aos Beatles para quem, assim como eu, não conseguiria imaginar um mundo sem eles. E está disponível no Telecine para quem quiser assistir!

    1. Oi De, tudo bem?
      Eu não sou uma das maiores fãs dos Beatles, conheço algumas músicas e acho boas, mas não os idolatro.
      Talvez por isso, não me animei a ver o filme logo de cara, mas como vejo críticas positivas, talvez assista um dia desses.
      beijos
      http://estante-da-ale.blogspot.com/

      ResponderExcluir
    2. Olá, Denise.
      Eu sou muito fã do Beatles. Já de filmes nesse estilo musical não hehe. Mas assistiria pela nostalgia. A Olivia lá do blog assistiu e amou e vive me indicando.

      Prefácio

      ResponderExcluir
    3. Oi Sil
      Ouvi falar desse filme em algum lugar mas eu estou de saco cheio de filmes com músicas sinceramente, sem contar que eu não sou lá grande fã dos Beatles, então tenho certeza que não conseguiria aproveitar muito a obra. Mesmo assim guardo a dica!
      Beijo
      http://www.capitulotreze.com.br/

      ResponderExcluir
    4. Eu não assisti ainda mas deve ser incrível. Quero muito ver.

      www.vivendosentimentos.com.br

      ResponderExcluir
    5. Oi Denise. Tudo bem? Eu adorei a história, os personagens, a trilha sonora, mas confesso que esperava um clímax melhor, mas foi gostoso de assistir.

      Bjs, Mi

      O que tem na nossa estante

      ResponderExcluir

    Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!

    Tecnologia do Blogger.