Resenha: Sangue por Sangue

  • 08:30
  • 23.12.17
  • Resenha: Sangue por Sangue

    Sangue por Sangue fecha a duologia de Lobo por Lobo, da autora Ryan Graudin, e apresenta um final para a história de Yael. No Brasil ele foi publicado pela editora Seguinte, que nos cedeu um exemplar para resenha. O livro conclui com chave de ouro o que Graudin havia iniciado, e se apresenta como uma das histórias mais bem contadas que li este ano.
    Sinopse: Para o Terceiro Reich, a Segunda Guerra Mundial pode ter acabado, mas para a resistência a luta está apenas começando. Yael é sobrevivente de um campo de extermínio e tem uma habilidade especial é uma metamorfa, capaz de mudar a aparência física e assumir a forma de qualquer pessoa. Ela também é uma garota em fuga o mundo acabou de vê-la atirar e matar Adolf Hitler. Yael é a inimiga número 1 da Germânia e de seus aliados, e vai precisar se infiltrar no território inimigo mais uma vez se não quiser pagar com o seu próprio sangue. Em meio a segredos sombrios acompanhados por verdades obscuras, apenas uma pergunta paira na mente de todos do grupo de Yael o quão longe você iria por aqueles que você ama.
    A história começa exatamente de onde o livro anterior parou, e caso não tenha lido Lobo por Lobo ainda você pode conferir a resenha escrita pela Camila, ou pular este parágrafos por motivos de spoiler: com Yael fugindo após assassinar Hitler, ou melhor, o metamorfo que ela pensava ser o Führer.
    Muitos encaravam a tela - boquiabertos, pasmos - tentando processar o que havia acontecido. Outros entenderam. Era o sinal que estavam esperando.
    A fuga da garota é interrompida, porém, por Luka Lowe, que ao perceber a situação na qual se encontrava - ele levou a assassina de Hitler para o baile como sua convidada -, decide que sua melhor opção de sobrevivência é contar com as artimanhas e conhecimentos de Yael para levar os dois com vida de volta à Germânia. Enquanto isso Felix Wolfe, o irmão de Adele, que Yael deixou amarrado e desacordado em um quarto do palácio enquanto completava seu plano e cometia um crime, acaba sendo torturado pela SS em troca de informações.

    O plano de Yael é bom, mas com o adicional de Luka e o poder combinado do Terceiro Eixo não demora muito para que os dois sejam pegos e levados de volta ao palácio. Lá os corredores se reúnem novamente com Félix, obviamente espancado e com dois dedos da mão quebrados, e são mandados de volta para serem executados na Germânia. 
    Voltaria ao começo para encontrar um fim.
    Mas nem tudo é o que parece em meio a esse jogo de gato e rato, traidores e aliados se misturam enquanto lutam para matar uns aos outros, velhos amigos ressurgem dos mortos e novos amigos se provam não tão confiáveis enquanto Yael parte em sua jornada para conquistar a esperança de um novo mundo.


    Resenha: Sangue por Sangue

    Sangue por Sangue é um livro que entrega tudo o que promete e ainda mais. Não existe nenhum aspecto do livro que eu não goste ou que deixe de achar brilhante. Até mesmo em seus momentos de plot twist, que eu já havia previsto, não houve decepção. Yael é uma personagem intensa e impossível de não gostar, ela foi quebrada e colada e quebrada novamente pela vida, mas nem isso fez com que ela deixasse de acreditar. 
    Hitler, Himmler e Geyer - eles não a tinham criado.Tampouco a tinham quebrado. Mas Yael tentaria destruí-los com tudo o que havia dentro dela - luz do sol e sofrimento, vidas roubadas e morte na ponta de suas asas.
    Neste livro um aspecto importante da protagonista é trabalhado, e que foi uma das coisas que mais amei em Lobo por Lobo, que é o problema que ela tem com a própria identidade, que havia sido perdida em meio a tantas trocas de rostos com o passar dos anos. Agora Yael encontrou sua própria voz novamente, recobrou sua identidade e pode, finalmente, voltar a ser ela mesma.

    Luka também ganha seu ponto de vista na história e podemos acompanhar como o bi-campeão lida com seus sentimentos em relação à Adele e agora também a Yael Além disso, temos o drama de poder enxergar a vida sob o domínio do Terceiro Reich por um ariano, e presenciar as mudanças na percepção que ele tem do mundo e da própria vida ao se deparar com a verdade de Yael e o que significa ser um judeu ou um inimigo do governo na Germânia Nazista. 
    Ignorância não era felicidade, mas era mais fácil. Muito mais que a alternativa...
    A expansão de mundo e o crescimento do personagem é algo incrível de se ler, principalmente pela forma como Luka lida com tudo isso e o quão grande e bom ele é como personagem e pessoa. Amo Luka Lowe com todo o meu coração, meu doce menino perfeito que na angústia por sempre ser mais nunca percebeu que deveria ser é melhor.


    Resenha: Sangue por Sangue

    Félix Wolfe é o dono do terceiro ponto de vista que acompanhamos e, assim como em Lobo por Lobo, seu único objetivo é proteger a pessoa que ele mais ama nesse mundo: sua irmã, Adele. Conviver com Yael e Luka é uma situação conflitante para o garoto, principalmente quando a verdade sobre como a menina conseguiu seus poderes metamorfos vem a tona. Mas por mais dor que Yael tenha sofrido ou por mais justa e verdadeira seja sua causa, a segurança da família de Félix ainda é sua prioridade número um. E o que ele se disporia a fazer para garantir o futuro daqueles que ama o assusta e enoja.
    Os Wolfe ficariam a salvo, mas haveria sangue. Sangue por sangue. Sangue para pagar. Um mundo inteiro de sangue.
    Três jovens com suas dores, medos e lutas. Cada qual mais disposto a conseguir o que deseja e a não deixar que aqueles que amam se machuquem. Adolf Hitler foi assassinado em frente às câmeras de televisão e agora alguém precisa pagar por isso. Sangue por sangue. Yael. Luka. Félix. Qual deles vai pagar o preço mais alto no final? 

    Ryan Graudin encerra sua história com maestria, fazendo desta duologia o tipo de leitura obrigatória para se ter na sua estante. Indicada para os amantes da Segunda Guerra Mundial, de mundos distópicos e universos baseados em "e se...". Mais do que isso, indicada para todos que sentem prazer em fechar um livro e ter a certeza de que leram uma boa história. Sangue por Sangue não deixa dúvidas quanto a sua qualidade, é um livro que merece ser lido, relido e então lido novamente.

    Título original: Blood for Blood
    Autor: Ryan Graudin
    Editora: Seguinte
    Gênero: YA, ficção científica
    Nota: 5+

    Saiba mais: Skoob | Amazon | Submarino

    1. Oi, Duda.
      EU não conhecia o livro não mas acho que já vi a capa dele por aí. Eu não gosto muito de enredos assim, mas quem não ama histórias com reviravoltas e finais surpreendentes? Vou pesquisar mais sobre ele.
      Beijos
      http://www.suddenlythings.com/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Miriã,
        pois é a duologia em si não teve tanto destaque e propaganda por parte da editora e dos leitores, é que ela saiu junto com outros livros mais hypados na época, mas super vale a leitura!

        Att.,
        Eduarda Henker
        Queria Estar Lendo

        Excluir
    2. Não conhecia o livro e gostei muito da sua resenha por mostrar bem o que esperar desta leitura.
      Bjs
      https://eternamente-princesa.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    3. Oi Eduarda, tudo bem?

      Eu não li o primeiro livro ainda e confesso que não sou tão fã de distopias assim, mas pela resenha parece ser um excelente livro com ótimo desenvolvimento!

      Bjs, Mi

      O que tem na nossa estante

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Mi,
        menina vai na fé que o lance da distopia é mais pelo perfil do livro mesmo do que por características ele. A história é ótima, super recomendo!


        Att.,
        Eduarda Henker
        Queria Estar Lendo

        Excluir
    4. Oi! Gosto de livros com temática de guerra e mundos distopicos. Vou ler a resenha do anterior para entender melhor. Bjos ❤

      Click Literário

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Ahh que ótimo, espero que tu curta a resenha e leia os livros!


        Att.,
        Eduarda Henker
        Queria Estar Lendo

        Excluir
    5. Oiiii, não conhecia, mas, me parece ser bem interessante!

      Um feliz natal e um ótimo ano novo. Bjs <3

      Hey Lou Blog

      ResponderExcluir
    6. Não li o primeiro livro desta série, mas a premissa é bem interessante!

      www.estante450.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    7. Oi, Eduarda!
      Menina, mentira que são só dois livros??? Gente, estirada na BR. Eu ainda não comecei a ler porque pensei que seriam mais. Vou já adicionar na TBR de 2018.
      Beijos
      Balaio de Babados
      Participe do Natal Literário e ganhe prêmios maravilhosos

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Lu, são só dois sim! Isso é uma delicinha porque né, ajuda com o bolso e também com a ansiedade, haahaha
        Adiciona sim, e quando ler vem me contar o que achou!!


        Att.,
        Eduarda Henker
        Queria Estar Lendo

        Excluir
    8. Oiii Duda

      Eu tenho tantos livros que "queria estar lendo"....haha, mas cadê tempo? E vcs fazem essa resenha pra me deixar ainda mais curiosa pela bilogia? Já curtia a premissa desde o primeiro livro e saber que o segundo está bom me animou, quando fiquei sabendo que não há terceiro mas a coisa toda fecha aqui, ai me convenceu total! Série publicada por completo é série adicioanda na minha TBR. Espero conferir esses livros ainda no primeiro semestre, vai pro topo da listinha ( o problema é que tu não imagina a facilidade com que os livros vão pro topo das minhas listas....haha)

      Beijokas


      www.derepentenoultimolivro.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Alice,
        sei bem como é essa de "adicionei na minha listinha", hahahaha. Mas aproveita que nesse caso são só dois livros e que eles já estão lançados, e tenta colocar eles no topo mesmo! O ótimo é que mesmo sendo apenas 2 livros, a história fecha de uma maneira muito boa, melhor do que várias trilogias por aí... Espero que tu leia e goste muito, e quando ler não esquece de me contar o que achou!


        Att.,
        Eduarda Henker
        Queria Estar Lendo

        Excluir
    9. Gostei demaaais da premissa! Acho que já vou colocar na minha wishlist pra 2018!!!

      Beijoss
      Próxima Primavera

      ResponderExcluir
    10. Oi Eduarda,
      Infelizmente, não é um livro que chama minha atenção.
      Até porque eu já ouvi umas críticas negativas a ele, então nem me animei a levá-lo para a lista de desejados. :( Uma pena...
      Beeijos e Feliz Natal
      http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Alessandra,
        ahh que pena. Eu nunca li nada negativo sobre ele, mas é aquela coisa: cada um com sua opinião, né! :)


        Att.,
        Eduarda Henker
        Queria Estar Lendo

        Excluir
    11. Oi
      já vi comentarem bem dessa dulogia, que bom que gostou de ler e que o autor entregou mais que o esperando fazendo a conclusão ser boa.

      momentocrivelli.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Denise,
        pois é fiquei muito feliz com o encerramento dessa história!


        Att.,
        Eduarda Henker
        Queria Estar Lendo

        Excluir
    12. Oie,

      Que bom que gostou do livro. Não li nada sombre antes, mas agora estou bem curioso.

      https://submundosliterarios.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Michael,
        leia mais algumas resenhas, talvez te ajude a decidir, mas recomendo mesmo a leitura dessa duologia!


        Att.,
        Eduarda Henker
        Queria Estar Lendo

        Excluir

    Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!

    Tecnologia do Blogger.