Li até a página 100... #110 - Serious Moonlight

  • 09:00
  • 15 de jul. de 2020

  • Autora: Jenn Bennett
    Editora: Simon Pulse
    Número de páginas: 432

    Primeira frase da página 100:

    "O que as pessoas vestem para encontros que não são encontros?"

    Do que se trata o livro?

    A história acompanha a vida de Birdie, que conseguiu emprego em um hotel chique na cidade de Seattle e quer usar esse novo passo em sua vida para encontrar estabilidade e maturidade. Ela acabou de perder a avó, que era super controladora, e em meio ao luto e à liberdade, resolveu se arriscar no turno da noite desse trabalho. O que ela não esperava encontrar nesse turno, no entanto, é o garoto bonitinho com quem teve um encontro rápido e desajeitado e pra lá de marcante umas noites atrás. E que esse mesmo garoto fosse encontrar um mistério para investigar no hotel, um que pode ocupar muito da mente de Birdie - e seu coração também.

    O que está achando até agora?

    Eu tô AMANDO! Já conhecia a Jenn por causa de Alex, Approximately - lançado aqui no Brasil com o título de O Garoto dos meus Sonhos (ou quase). Ela tem uma narrativa rápida e cheia de emoção e lida com problemas familiares e de crescimento de maneira bastante natural. O mistério envolvendo o hotel e um escritor de mistério que nunca revelou seu rosto está muito interessante e eu tô ansiosa pra ver as respostas se desenrolando. E toda a relação da Birdie com o Daniel - a situação awkward, a aproximação, a ligação entre eles. É tudo muito FOFO e eu tô adorando.

    O que está achando do personagem principal?

    A Birdie é complicada e por isso eu tô adorando tanto ela; é imperfeita, um pouco egoísta, mas isso se deve à criação rígida e a ter sido educada em casa. Agora que pode lidar com o mundo e as coisas fora dele, Birdie está aprendendo como se portar e a reagir a todo mundo - especialmente ao Daniel, com quem teve um encontro relâmpago muito emocionante e estranho.

    Melhores quotes até a página 100:

    "O destino vai encontrar uma maneira."
    "Você está citando Jeff Goldblum? É "vida". A vida encontra uma maneira. Apocalipse de dinossauros, não destino."

    "Birdie. Um dia você vai entender que o desconhecido é a melhor parte da vida."

    "Você já sentiu como se o universo estivesse tentando se comunicar com você?"

    Vai continuar lendo?

    Com certeza. Eu tô adorando o romance, as questões familiares, o amadurecimento da protagonista e o mistério do hotel. Tem tudo pra ser um novo favorito!

    Última frase da página 100:

    "na esquina com a casa da Mona."

    1. Esse livro parece ser aqueles clichês românticos que amo tanto, já entrou na minha lista de desejos.

      Não sei porque me veio na mente agora o livro "A geografia de nós dois", é incrivel.

      Beijinhos,
      Renata

      ResponderExcluir
    2. Mulher, esses livros são a tua cara kkkkkkk
      Eu acho que cheguei a ver quando esse livro foi lançado mas não sabia que era do "mesmo 'verso" que Alex Approximately
      Beijos
      Balaio de Babados

      ResponderExcluir
    3. Oiii Denise

      Essa autora escreve uns livros muito fofurinhas, eu adorei esse porque além de tudo tem o mistério do hotel, ah fiquei curiosa e a relação awkward, vou curtir com certeza. Ainda tenho aqui pendente pra ler Alex Approximately, vou tentar ler ele logo.

      Beijos, Ivy

      www.derepentenoultimolivro.com

      ResponderExcluir
    4. Oii
      Não conhecia livro mas a história parece ser muito boa! Já vou deixar anotado e tentar ler futuramente. Bom que está sendo uma leitura agradável.

      Beijinhos!
      https://focadasnoslivros.blogspot.com/

      ResponderExcluir

    Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!

    Tecnologia do Blogger.