Resenha: As Crônicas das Sombras - Frances Hardinge - Queria Estar Lendo

Resenha: As Crônicas das Sombras - Frances Hardinge

Publicado em 6 de mai. de 2021

Resenha: As Crônicas das Sombras - Frances Hardinge

As Crônicas das Sombras é o primeiro livro de Frances Hardinge  que leio e nos foi cedido em parceria com a edicota Darkside Books. Uma fantasia urbana misturada a história de fantasmas que surpreende desde o início.

Se você se interessou por As Crônicas das Sombras, pode gostar de:

As Crônicas das Sombras se passa na Inglaterra do século XVII, quando o rei e o parlamento estão no meio de uma guerra. Criança bastarda, criada por uma mãe distante e com um passado misterioso em uma comunidade puritana, Makepeace sempre soube que existiam lugares "ocos" dentro de si.

Desde muito cedo ela luta contra os fantasmas que querem ocupar esses lugares. No entanto, é apenas após a morte da mãe que ela começa a entender melhor o que isso significa. Quando ela passa a morar com a família de seu pai, entende que servir de moradia para espíritos tem consequências devastadoras e que aquele lugar não é seguro para ela e nem para seu meio irmão - a única família que lhe restou.

Resenha: As Crônicas das Sombras - Frances Hardinge

Os Fellmotte são uma família rica e poderosa, com um segredo centenário que ameaça a vida e a liberdade de Makepeace. Quando a família é traída e seu irmão recebe a Herança, Makepeace embarca em uma jornada perigosa e alucinante em busca de salvação e, de certa forma, vingança.

Mais um homem rico determinado a obter o que crê que o mundo lhe deve e disposto a pagar qualquer preço, desde que seja com o sangue alheio.

O começo de As Crônicas das Sombras foi um pouco lento, como quase toda fantasia, já que a autora estava nos situando no universo. É uma fantasia urbana histórica, com um mundo bem interessante. Depois das primeiras 100 páginas a história deslancha em uma sequência cheia de ação e reviravoltas boa demais de acompanhar.

Makepeace é realmente uma protagonista com carisma e que a gente gosta de acompanhar. Nos importamos com ela e com as coisas que ela se importa, com sua ânsia por conhecer de verdade quem foi a mãe, o que aconteceu com o pai e porque a mãe estava tão determinada a mantê-la longa dos Fellmotte.

Resenha: As Crônicas das Sombras - Frances Hardinge

Ela é uma personagem boazinha, empática e sempre disposta a ajudar aqueles que sofrem. No entanto, isso não significa que ela deixe que pisem sobre si. Tudo que Makepeace faz é para sobreviver, proteger quem ama e seguir em frente. Por isso, gostei muito dela e de todo o mundo criado pela Frances Hardinge em As Crônicas das Sombras.

"Eu não faço ideia de que tipo de homem poderia ter sido sem isso." 

Foi bom demais pegar uma fantasia que foge aos moldes comuns do gênero. Não tem triângulo amoroso, não tem terra ou língua inventada. Tudo que Frances Hardinge faz é construir um mundo novo sob um período histórico já bastante conturbado para contar a história de uma garota descobrindo quem é e qual o seu lugar no mundo.

Uma forma original de contar uma história com a qual todo mundo pode se identificar. Aliás, gostei particularmente de ver a construção do relacionamento de Makepeace com os próprios fantasmas e como ela transformava os rejeitados e desprezados - como ela - em sua força e determinação.

Além disso, a edição está realmente bonita. Estou apaixonada pela capa e pela diagramação, mais um trabalho gráfico excelente da Darkside Books.

Resenha: As Crônicas das Sombras - Frances Hardinge

É uma fantasia que eu indico para todo mundo que é fã do gênero, especialmente quem quer fugir de pontos comuns do gênero e ler jornadas diferentes.

Às vezes, quando uma criatura morre, o espírito dela parte em busca de outra pessoa para habitar... Makepeace é uma jovem valente, com um passado misterioso, que aprendeu a se defender dos fantasmas que tentam possuí-la à noite. Um dia, um acontecimento terrível faz com que ela baixe a guarda. E agora há um espírito dentro dela. O espírito é indomado, bruto e forte, e pode ser sua única defesa quando ela é enviada para morar com os parentes ricos e poderosos de seu pai. Há rumores de que uma guerra civil pode eclodir, e eles precisam de pessoas como ela para proteger um segredo sombrio de família. Enquanto planeja sua fuga e resolve partir para um país assolado pela guerra, Makepeace precisa decidir o que é pior: a possessão ou a morte. Uma aventura emocionante, As Crônicas das Sombras, de Frances Hardinge, é a mistura perfeita de ficção histórica e sobrenatural. Macabro e cheio de intrigas políticas, o livro traz a Guerra Civil Inglesa (1642–1649) como pano de fundo em uma realidade em que espíritos circulam livremente no nosso mundo.


Título original: A Skinful of Shadows
Autora: Frances Hardinge
Tradutora: Mariana Serpa
Editora: Darkside Books
Gênero: Fantasia Urbana
Nota: 5
SKOOB

Resenha: As Crônicas das Sombras - Frances Hardinge

Resenha: As Crônicas das Sombras - Frances Hardinge

2 comentários:

  1. Oi Bianca, tudo bem?

    Não conhecia o livro, mas um ponto da sua resenha me chamou bastante a atenção, o fato da narrativa fugir do comum dos livros do gênero. Por mais que eu ame fantasias, as vezes sinto falta de algo novo dentro do estilo, pois às vezes parece que estou lendo o mesmo livro com personagens diferentes.

    Vou deixar sua dica anotada aqui!

    Beijos;***
    Ariane Gisele Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  2. Oi Bianca! Eu acho essa edição lindíssima! Eu ainda não li, stá aqui na minha estante, mas já em animei com a protagonista!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!



@QueriaEstarLendo