Dicas para Começar a Ler em Inglês - Queria Estar Lendo

Dicas para Começar a Ler em Inglês

Dicas para Começar a Ler em Inglês

Ultimamente a gente tem postado várias resenhas e dicas de livros em inglês, e isso pode aumentar bastante agora que participamos do NetGalley, então achamos interessante passar algumas dicas para começar a ler em inglês.

Seja porque as traduções não estão lhe agradando ou porque as editoras descontinuaram séries que você gosta, ou, ainda, porque você encontrou títulos interessantes que ainda não tem previsão de chegar por aqui, muita gente não sabe por onde começar a ler em outra língua. E como alguém que foi no "tentativa e erro", acho que é interessante ter alguma base antes de sair por aí, especialmente para vocês não caírem nas mesmas besteiras ou passarem o mesmo medo que eu.

Então vamos lá.

NÍVEL DE INGLÊS

A primeira coisa que você precisa avaliar é o seu nível de inglês. Porque livros você vai encontrar para todos os níveis, uma vez que são usados mesmo para ensinar inglês para as crianças.

Se você não faz curso e aprendeu tudo de forma autodidata, como eu, você pode avaliar o seu inglês através de textos na internet. No meu caso, escolhi começar a ler em inglês quando me peguei lendo muitas fanfics em inglês. Percebi que a dificuldade que encontrava nelas era muito pequena e que livros que se assemelhassem em gênero, talvez fossem tão simples quanto. E acabou se tornando bem verdade.

Mas se você não lê fanfics, pode tentar matérias em inglês - ou e-books gratuitos na Amazon. Veja quais os tipos de palavras que você tem dificuldade e se consegue se encaminhar na narrativa pelo contexto - de preferência, sem traduzir palavra por palavra, mas essa é uma escolha bem pessoal minha, pela forma como eu aprendi inglês.

Dicas para Começar a Ler em Inglês

ESCOLHENDO UM LIVRO

Depois de avaliar o seu nível de inglês, é hora de escolher o livro.

Se o seu nível ficou no iniciante, é interessante escolher livros infantis, como fábulas - em linguagem atual - por serem simples e diretas. Além disso, você pode procurar por livros próprios para o estudo da língua, que são marcados de acordo com o nível - e estão disponíveis para todos eles.

No meu caso, quando comecei a escolher os livros, joguei o meu nível no intermediário, só por garantia. Por isso, acabei optando por um YA - My Life Next Door (que mais tarde chegou aqui como Minha Vida Mora ao Lado) da Huntley Fitzpatrick.

Sempre que me perguntam por onde começar lendo em inglês, eu sempre indico YA contemporâneos, por terem uma linguagem atual e mais simples, e também por geralmente terem narrativas mais fáceis. 

Também gosto dos YA para se acostumar com a leitura em outra língua, que pode ser mais lenta por não ser a forma usual como lemos. Além do que, o vocabulário é atual e só fica um pouco complicado quando você pega um livro muito cheio de gírias - algo que é mais difícil, por deixar o livro datado.

Sobre livros de fantasia, históricos, de época, clássicos e sci-fi, eu não recomendo para serem as suas primeiras tentativas. A não ser que você se garanta no inglês, se encontre em um nível mais avançado ou queira estudar mais. Isso porque eles tendem a ter narrativas e vocabulários mais complexos, pelo world build. Especialmente as fantasias medievais, os históricos e os clássicos, que geralmente usam vocabulário ultrapassado que, mesmo quando a gente estuda inglês, passamos sem estudá-lo direito.

Se você vai fazer a tradução palavra por palavra (realmente não recomendo) ou se não se importa de interromper com mais frequência a leitura para pesquisar termos que desconhece, não será um grande problema. Mas se você vai tentando se localizar pelo contexto e sem interromper a leitura, talvez queira deixar esses gêneros para depois, quando estiver mais acostumada.

Dicas para Começar a Ler em Inglês

Aliás, sobre as palavras que você não entende: google tradutor. Como eu já disse, não recomendo fazer a tradução de palavra por palavra, mas se é a forma como você se sente mais confortável ou como aprende, então vai fundo. Porém, eu costumo tentar me guiar pelo sentido da frase e, assim, descobrir o significado das palavras. E se você é como eu, pode se apoiar no google tradutor (porque nem sempre o sentido da frase te ajuda por completo ou também para você ter certeza e poder incluir ela no seu próprio vocabulário).

Quando a gente lê pelo kindle, o próprio aplicativo te ajuda, já que ao selecionar a palavra, ele usa o dicionário para te dar o significado (em inglês) e também o google para traduzir. Porém, quando estou lendo um livro físico, costumo ficar com o celular por perto, aberto no google tradutor, para que a leitura flua mais facilmente - ao contrário de ficar marcando as palavras para procurar quando terminar de ler.

COMPRANDO LIVROS EM INGLÊS

E então, sobre comprar livros. Eu geralmente recomendo as edições paper back por gosto pessoal mesmo, sou bem apaixonada por elas, e também porque as hardcover costumam ser mais caras do que posso pagar e eu sempre tenho dificuldade para ler com a jacket. E as mass market são edições muito pequenas e maleáveis, são super fáceis de dobrar e amassar e ficam destruídas logo no inicio da leitura (ao menos na minha experiência).

Se eu for super sincera, eu acho o e-book a melhor opção para ler em inglês, por todos os dispositivos do kindle que ajudam, como o dicionário e o tradutor. O problema é que, geralmente, eles são tão caros quanto um paper back, e como viciados em livros a gente geralmente opta pela edição física, né?

Mas é algo a se levar em consideração, especialmente se você tem um orçamento e está começando.

E sobre lugares para comprar esses livros, eu geralmente recomendo a Amazon, porque minha experiência com a loja - tanto a BR quanto a US - foram excelentes, e os preços bem parecidos com os de outras lojas.

A primeira vez que comprei em inglês, foi pela Amazon BR, assim que abriu por aqui. Paguei R$23 na paper back de My Life Next Door. Na Amazon US eu comprei livros para o meu TCC e chegaram tão rápido quando se estivessem em estoque aqui no Brasil, o atendimento durante e no pós-compra foi excelente.

Em relação aos preços, eu sempre comparo em dólares. Na Amazon US eu comprei apenas porque não tinha o livro disponível na loja brasileira, mas em relação ao preço, não foi tão bom. Eu prefiro comprar na loja BR porque os impostos e envio da US acabam passando bastante do preço vendido por aqui, e como os livros disponíveis nas duas lojas são, quase sempre, os mesmos, vejo vantagem em comprar na Amazon BR.

Dicas para Começar a Ler em Inglês

Outra loja em que já comprei foi na Book Depository. É uma boa loja onde você não paga pelo frete. O valor, geralmente, é o dobro da Amazon US, mas notei que isso se dá porque a Amazon repassa o valor dos impostos/envio separadamente, e a BD não, está embutido no preço, como é aqui no Brasil.

Meu problema com a Book Depository foi o tempo de entrega. Os livros vem da Inglaterra e, geralmente, levam 50 dias para chegar no Brasil. Os meus, no entanto, levaram mais de 70 dias, e como os livros foram postados no Brasil sem código de rastreio, nem eu e nem a loja tínhamos como saber o status da entrega.

Fiz compra com eles duas vezes. A primeira com livros para o TCC, que demoraram a chegar e acabei comprando da Amazon (que chegaram em 3 semas). O resultado é que fiquei com livros duplicados, porém não entrei em contato com eles nessa vez. Já na segunda vez, passou 60 dias e os livros não tinham chegado, então entrei em contato, para ver se eles sabiam onde os livros estavam. Como eles não tinham a resposta e eu estava com medo de extravio, eles reenviaram. O resultado foi que acabei com livros duplicados de novo, pois chegaram os dois envios.

A loja foi bastante solicita, me respondendo sempre, nunca me deixou na mão e inclusive, quando entrei em contato para devolver os livros duplicados da segunda compra, disseram que eu poderia ficar com eles sem problema algum. A única desvantagem mesmo é esse não saber que deixa a gente ansioso, considerando-se que os Correios não são o melhor lugar do mundo e eu já tive muitos livros de parceria extraviados por ele.

No mais, essas são as minhas dicas para quem quer começar a ler e comprar livros em inglês.  E vocês, já leem em outra língua? Como começaram? Tem alguma loja de preferência? Conta para a gente!

SUGESTÕES PARA COMEÇAR A LER EM INGLÊS
Para acessar sinopse (em inglês) e comprar o livro físico ou ebook (ou até alugar pelo unlimited) é só clicar na imagem - que você também ajuda a manter o blog.

   

   

Resenhas:

The Unexpected Everything (primeiras impressões)

Share this:

, ,

COMENTÁRIOS

3 comentários:

  1. Um post super completo. Adorei as dicas! Quero começar a ler em inglês em breve..

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, Bibs
    Eu tenho muito interesse em começar a ler livros em inglês, até porque eu fiz um curso e queria praticar, mas faz tantos anos que não falo inglês que meu vocabulário está uma merda. Resolvi arriscar e pedi um livro no NetGalley pra começar, mas ainda não sei bem o que esperar.
    Beijo
    http://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Bibs,
    Eu acho tão lindo e chique quem lê em inglês. Pensei em começar a ler Harry Potter, porque me disseram que se você já leu um livro muitas vezes em português, isso pode te ajudar na versão em inglês. Porém, agora com você dizendo que fantasia é mais tenso de ler de início, acho que vou pegar algo mais simples...
    Beeeijo e obrigada pelas dicas
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sua opinião é sempre muito bem-vinda!